Saiba quando trocar a embreagem de seu carro

Muitos devem estar se perguntando que negócio é esse de embreagem? Bom, explicando de uma forma bem simples, a embreagem faz a ligação do motor com a caixa de marchas que por sua vez são ligadas a rodas. Cada vez que você aciona o pedal de embreagem o disco se desliga do platô e o motor não manda mais “força” para a caixa de marchas.

Bom tá legal, mas quando este kit de embreagem deve ser substituído? Quando o sistema de embreagem esta com seus dias contados ele começa a dar alguns sintomas o principal
sintoma é a dificuldade em acioná-la. O pedal fica pesado e você tem que fazer uma certa força para acioná-lo. O carro fica com mais difícil para arrancar, principalmente em subidas, muitas vezes o carro trepida, a troca de marchas se torna um suplicio, as famosas "arranhadas" tornam-se mais frequentes. Além disso, o conjunto emite ruídos estranhos quando o motorista pisa no pedal.

O kit de embreagem geralmente tem que ser substituído quando estes sintomas acima são apresentados, o recomendado é que se troque disco, platô e rolamento, muitas vezes não é necessária à troca do conjunto todo (porem convém). E muitas vezes surge mais alguma pecinha que não estava no planejado, como um cabo de embreagem por exemplo.

 

Dicas para aumentar a vida útil do conjunto de embreagem


A embreagem do meu ou do seu carro é muito utilizada, todos os dias. E nunca pensamos nela, a menos que ela dê defeito. A maioria dos veículos rodando pelas ruas do Brasil não apresenta problemas na embreagem. Mas, mesmo assim, temos muito o que nos preocuparmos com ela.

Aqui vamos dar algumas dicas para que este componente do seu carro trabalhe melhor, e também dure mais. Ou seja, menos gastos eventuais. Vamos diretamente para as dicas:

É expressamente proibido manter o pé sobre a embreagem ao dirigir

Para muitos, isso é óbvio. Mas existem muitos motoristas que nem se apercebem de que estão descansando o pé em cima da embreagem, ao dirigir. Quem descansa o pé em cima do pedal da embreagem faz com que ela se gaste bem mais rápido. E isso é atestado. Pergunte para um mecânico de concessionária, que ele vai lhe citar vários carros onde a embreagem tem que ser trocada, por causa desse hábito.

Não mantenha o carro parado usando a embreagem

Este segundo ponto já não é tão óbvio. Até mesmo bons motoristas acabam cometendo esse erro, apenas por costume, ou porque é mais fácil assim. Segurar o carro em um semáforo ou em uma subida usando a embreagem é o mesmo que fazer com que ela se gaste mais rápido, propositalmente. Sempre acione o freio, e deixe o carro em ponto morto, quando estiver em uma subida.

Faça verificação do cabo e regulagem com regularidade

Se o seu carro não tiver embreagem de acionamento hidráulico, ela é acionada por um cabo. Esse cabo tem que ser verificado, caso o acionamento da embreagem não esteja macio e sem barulhos. Acha que a embreagem do seu carro está alta demais, ou baixa demais? Pois não precisa ser assim, você pode pedir que seu mecânico faça uma regulagem da altura do pedal. Se bem que ás vezes, altura estranha pode significar problemas no conjunto.

Não coloque seu carro em subidas muito íngremes, ou terreno deslizante.

Se você tem um Jeep ou uma Land Rover, tudo bem. Mas sabe aquele hábito de pegar o carro 1.0 e ir para aquele sítio no final de semana? Pois bem, isso pode estar danificando a embreagem do seu carro. Pois se você anda em uma subida muito íngreme, seu carro não consegue subir nem mesmo em primeira marcha. Aí você fica forçando o carro a subir, usando a embreagem. Isso é péssimo. E terrenos escorregadios também exigem o uso errado da embreagem, para forçar o carro a subir.

Verifique se o pedal está trepidando ou se a embreagem está patinando

Estes dois sinais podem significar que existe algo de errado com o conjunto da embreagem do seu carro. Pode ser disco empenado ou disco desgastado demais. Aí não tem jeito, tem que ser efetuada uma troca.

Não faça reduções de marcha muito exageradas

Sabe aquela redução de marcha tão drástica, que você sabe que a marcha inferior vai entrar e jogar as rotações lá pra 5.500, 6.000? Essa prática é perigosa para com a embreagem do carro, pois o disco pode até se quebrar.

 

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.