sexta-feira, 8 de Junho de 2018 17:54h

CPI dos Áudios define primeira oitiva

A segunda reunião da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI dos Áudios) que irá investigar supostos indícios da prática de atos lesivos ao interesse público por parte do Poder Executivo foi realizada nesta sexta-feira (8) às 14 horas na sala das Comissões.

Neste primeiro encontro os Vereadores membros da CPI – Ademir Silva (Presidente), Renato Ferreira (Relator), Edson Sousa, Raimundo Nonato e Josafá Anderson definiram quais as estratégias iniciais irão utilizar no decorrer da investigação. Os membros da CPI dos Áudios optaram por trabalhar com dois dias da semana, sendo dividido da seguinte forma: Oitivas dos depoentes – Segundas-feiras; Reuniões Administrativas – Quartas-feiras.

A CPI foi instaurada no último dia 18 de maio de 2018 após o vazamento de áudios envolvendo o Prefeito Galileu Teixeira Machado, o cidadão Marcelo Máximo “Marreco” e o editor do site Divinews – Geraldo Passos. A Comissão irá estudar as gravações que supostamente revelam uma negociação de um cargo na Prefeitura de Divinópolis.
Na próxima quarta-feira (13) os membros da CPI se reunirão novamente na sala das Comissões para alinhavar as perguntas direcionadas aos primeiros depoentes, e ainda estudar melhor os áudios. O presidente da Comissão, sugeriu que a população protocole perguntas na Câmara Municipal direcionadas aos gabinetes dos membros da CPI, para que as mesmas sejam analisadas e questionadas nos dias dos depoimentos. Já o Vereador Edson Sousa informou aos colegas que tem uma lista com cerca de 16 nomes que poderão ser convocados à prestar esclarecimentos ao longo da CPI, porém as definições serão tomadas conforme votação dos membros.

A primeira oitiva foi definida para o dia 25 de junho (segunda-feira) e por decisão unanime dos membros, nesta data haverá uma espécie de mutirão, para que seja possível dar agilidade ao processo considerando o período de recesso parlamentar no mês de Julho. Segundo o Presidente Ademir Silva na parte da manhã do dia 25, o primeiro a ser ouvido pela CPI será o cidadão Marcelo Máximo “Marreco” às 9 horas, já às 14 horas será o depoimento do Prefeito Galileu Machado, às 15:30 do Procurador Federal Lauro Coelho e por fim às 16:30 o Assessor de Gabinete Djalma Guimarães. Todos os depoimentos serão colhidos no plenário da Câmara e serão abertos à imprensa e população interessada. As oitivas também serão transmitidas pelo Portal do Legislativo www.divinopolis.mg.leg.br .
 

© 2009-2018. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.