quarta-feira, 11 de Julho de 2018 14:54h Portal Gazeta do Oeste

Divinópolis recebe workshop Melodia do Afeto que reúne psicanálise e música

Divinópolis receberá no dia no dia 21 de julho de 2018 de 08h30min às 11h30min horas Workshop Melodia do Afeto – semiótica musical nas relações e na Psicanálise. O evento acontecerá no Laboratório Central, localizado na praça da Catedral no centro da cidade.

 

Na atualidade, o cuidado com a saúde é uma das maiores preocupações da humanidade, exigindo de todos formação diversificada para o cuidado de si e de terceiros ao longo da vida. A saúde mental é um dos temas mais preocupantes do século XXI. Não a ter, pode significar falta ao trabalho, baixo interesse pela vida, dificuldades com crianças, jovens e adultos por parte das famílias e escolas. O adoecimento mental influencia cada vez mais os problemas humanos, sejam eles familiares, econômicos ou de sobrevivência das populações.

 

Cientificamente já se sabe da eficácia da música na prevenção de adoecimentos e na melhora das relações das pessoas consigo mesmas e com os outros. Há um número muito grande de intervenções musicais que podem prevenir adoecimentos e são tratamentos utilizáveis com bebês em desenvolvimento normal, com TEA (transtornos do espectro autista), síndrome de Down, outras deficiências ou pessoas de idades diferentes com agravos à saúde, tais como transtornos depressivos, ansiedade, adoecimentos psicossomáticos.

 

A música e a Psicanálise são conhecimentos universais, moderadoras de afetos, conflitos e invariavelmente indicam-nos possibilidades de descobertas que têm efeitos sobre nossas doenças, preocupações e sofrimentos. Por isso, de forma inovadora, voltado para profissionais de saúde, pais, educadores e amantes da música o workshop “Melodia do Afeto” relaciona de maneira provocativa e acessível conhecimentos musicais a temas como autismo, saúde afetivo-emocional, desenvolvimento infantil e psicanálise. Baseado em conhecimentos científicos recentes, o workshop busca instrumentalizar pais, profissionais de saúde e interessados para o uso das potencialidades terapêuticas da música e dos sons buscando articular tais conhecimentos com os conhecimentos da psicanálise.

 

O divinopolitano Raphael Prazeres, responsável pelo workshop, é músico com formação no CEFAR (Centro de Formação Artística) do Palácio das Artes em Belo Horizonte e atualmente aprofunda seus conhecimentos no curso de graduação em Psicologia na PUCMINAS, campus Coração Eucarístico, naquela cidade. Os supervisores técnicos do projeto são Dra. Vera Prazeres e Dr. Paulo dos Prazeres.

 

As inscrições podem ser feitas no site:  https://www.e-inscricao.com/melodiadoafeto/workshop .  Maiores informações pelos contatos: 31- 9 8822 2009 ou 31 – 9 8447 7098.

 

© 2009-2018. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.