quarta-feira, 13 de Junho de 2018 17:30h Portal Gazeta do Oeste

Grupo de crianças apresenta o menor índice de vacinação contra influenza

A campanha de vacinação contra gripe termina em 15 de junho. Até o momento, 85,67% do grupo prioritário foi imunizado, de acordo com relatório da campanha de vacinação divulgado nesta quarta-feira (13/06) pela Secretaria Municipal de Saúde.

Ao todo, 52,8 mil pessoas estão no grupo prioritário no município, cuja meta é vacinar 90% desse total. O Ministério da Saúde determina a vacinação prioritária nos grupos de risco.

O grupo com menor índice de vacinação é o de crianças, imunizadas apenas 67,13%. Em seguida, gestantes com 74,27% e trabalhadores da saúde, atingindo 77,76%. Já o grupo de professores atingiu 81,31% do público. Os grupos de idosos e puérperas já atingiram a meta de 90% no município, com 96,56 e 112,11% respectivamente.

A população-alvo são indivíduos acima de 60 anos, crianças de seis meses até cinco anos, gestantes, puérperas até 45 dias após o parto, trabalhadores do segmento de saúde, grupos portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais e professores.

De acordo com a coordenadora de Imunização, Marcela Machado Santos, é de extrema necessidade que a população prioritária seja imunizada. A vacina trivalente protege contra a H1N1, a H3N2 e a influenza. “É importante ressaltar que as vacinas estão disponíveis para os grupos prioritários, e precisamos atingir no mínimo 90% da população”, alertou.

A vacinação contra a influenza tem como principal objetivo reduzir a mortalidade, as complicações e as internações decorrentes das infecções pelo vírus da influenza na população-alvo para vacinação.

As salas de vacina nas unidades de Estratégia de Saúde da Família (ESF) funcionam das 8 às 16h30 e, nas Unidades de Saúde, das 8 às 17 horas.

--

© 2009-2018. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.