quinta-feira, 22 de Agosto de 2019 19:18h Ilidio Luciano

Preocupado com segurança dos passageiros, taxista pede regulamentação de transporte por aplicativo.

Motorista falou na Tribuna Livre para os vereadores na Seção Ordinária da Câmara.

ILÍDIO LUCIANO

O taxista Edson Júnior usou a Tribuna Livre da Câmara Municipal de Divinópolis na reunião ordinária desta quinta-feira (22/08), para explanar sobre a regulamentação do serviço de transporte por aplicativo na cidade.

Edson se mostrou preocupado, pois muitos motoristas estão realizando corridas, dizendo que são funcionários do aplicativo, mas que atendem chamadas via watsapp e não pela plataforma digital.

“Essa regulamentação é importante, pois proporciona para o usuário saber quem é a pessoa que está prestando serviço de transporte na cidade. Para ser motorista de aplicativo, existe uma Lei Federal que, exige alguns critérios para aprovação da licença, como por exemplo, atestado criminal, exige o cadastro no INSS e também exige o recolhimento de tributos, que não são altos, mas é importante para que o passageiro saiba com quem está viajando”, alerta.

O motorista profissional cita que, a maioria dos taxistas da cidade são conhecidos dos usuários, pois todos possuem regulamentação, é o que ele pede para ser ampliado, para os profissionais por aplicativos.

“O serviço de Taxi, por exemplo, todo mundo sabe quem são a maioria dos motoristas de taxi, com o aplicativo, o usuário vai saber quem será o motorista que o atenderá, sem precisar utilizar a rede social para pedir um carro”, cita.

Edson Júnior se mostra preocupado, com relação a não identificação por parte do usuário, que não utiliza a plataforma digital oficial, e simplesmente confia em algumas pessoas conhecidas, o contato para pedir uma corrida de carro.

“Como o serviço ainda não está regularizado, muitas pessoas não estão cadastradas no Uber, mas que utilizam o próprio celular para pegar corridas. Isso é muito perigoso, porque as pessoas costumam perguntar assim: Alguém tem o telefone de um Uber?, não existe telefone de Uber, existe sim a plataforma Uber, 99 Taxi, então a gente alerta a população, para que, quando for solicitar um serviço de transporte, utilizem apenas os aplicativos que estão disponíveis nos celulares, os taxis de Divinópolis também possui seu aplicativo, que não é tão competitivo quanto o Uber, mas com certeza é mais uma opção confiável para a população”, finaliza.

© 2009-2019. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.