quarta-feira, 2 de Outubro de 2019 14:17h Carlos Henrique Monteiro

Abel relativiza invasão de torcedores na Toca da Raposa

"Nada mais do que paixão" disse ele

CARLOS HENRIQUE MONTEIRO

O Cruzeiro teve um episódio preocupante no treino desta terça feira. Torcedores invadiram a Toca e o campo de treinamento para cobrar mais empenho dos atletas. Mas nada que assustasse Abel Braga. 

"O que ocorreu hoje aqui no Cruzeiro foi nada mais do que paixão. Uma paixão por um momento que, se nós não sairmos dele, vamos criar um fato inédito, que é ver o Cruzeiro na Segunda Divisão. (...) Não estamos aqui para ficar contestando nada. A gente conversou da melhor maneira possível, de forma educada. Eles no auge da emoção. Expuseram para mim e para os atletas aquilo que eles tinham vontade. Sem ofender, sem agredir. Falei para eles que não era a melhor maneira, que a melhor maneira é se combinando alguma coisa para fazer, porque teve que paralisar um treinamento que estava correndo. Isso não é bom. Não é bom ficar brigando com torcida. A torcida é toda azul."

Abel garante que não irá faltar entrega do grupo de atletas. 

"O que eles (torcedores) gostam é dessa camisa e dessa cor, os jogadores também gostam, senão não tinham conquistado o que conquistaram aqui. Foi muito boa a participação dos atletas naquilo que conversaram com os torcedores. Se encerra. Para nós não vai interferir em nada, porque, independente de como aconteceu, se não tivesse acontece, em cada jogo e em cada metro quadrado em campo que o Cruzeiro entrar, não vai deixar de faltar alma, entrega e dedicação. Ontem todos foram no limite. Claro, sai chateado com a derrota, porque eu sei o que eles fizeram e como fizeram para ganhar o jogo'.

 

© 2009-2019. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.