quinta-feira, 20 de Abril de 2017 08:55h Túlio Kaizer /Superesportes

Atlético sofre com a chuva, tem nova atuação fraca e perde para o Libertad fora de casa

Galo não conseguiu jogar bem, pouco assustou o adversário e perdeu por 1 a 0

 

Depois de sair vaiado do Mineirão no último domingo, no empate com a URT, o Atlético voltou a apresentar um futebol apático na noite desta quarta-feira. No estádio Nicolás Léoz, em Assunção, no Paraguai, o Galo enfrentou o Libertad, a chuva e o campo pesado. Não conseguiu vencer nenhum dos três e, como consequência, volta para Belo Horizonte com mais uma atuação abaixo da expectativa e a derrota por 1 a 0.

Os dois times voltam a se enfrentar na próxima quarta-feira, às 19h30, no Independência, em jogo válido pela quarta rodada do Grupo 6.

O Galo ainda lidera a chave, com quatro pontos, mesmo número de Libertad e Godoy Cruz. Brasileiros e paraguaios aguardam o jogo entre Godoy Cruz e Sport Boys, nesta quinta-feira, às 19h30, na Argentina, para o fechamento do turno.

O Galo volta as atenções ao Campeonato Mineiro. No domingo, às 16h, o Alvinegro recebe a URT, no Independência, pelo jogo de volta da semifinal. O Atlético precisa do empate para avançar à decisão.

O jogo
Choveu muito em Assunção antes e durante o jogo. Quando a bola rolou, muita água no campo. O fator atrapalhou o andamento da partida. O Atlético, time que costuma trabalhar a bola em troca de passes, não conseguiu colocar seu estilo de jogo no Nicolás Léoz. O que se viu do time mineiro foram vários chutões na primeira etapa (32, sendo apenas sete com destino aos jogadores do Galo).

O início da partida foi de muitos erros de passes dos dois lados. Aos poucos, o time da casa começou a jogar nas falhas do Galo, aproveitando os espaços do Alvinegro na defesa e no meio-campo. Num desses momentos, aos 26’, saiu o gol que definiu o placar.

Fábio Santos tentou afastar (com mais um chutão), a bola caiu nos pés de Ángel Lucena. Ele lançou a bola nas costas de Marcos Rocha, Jesús Medina recebeu livre, invadiu a área e rolou para o próprio Ángel Lucena chutar. A bola foi fraca, mas o campo molhado atrapalhou Giovanni, que não conseguiu segurar: 1 a 0. No lance, Rafael Carioca e Elias apenas olharam o camisa 15 seguir para a área.

Antes do gol sofrido, o Galo havia dado sua única finalização no primeiro tempo, em falta de longe cobrada por Otero nas mãos do goleiro. O time atleticano tinha dificuldade em jogar de forma compacta, com jogadores próximos uns dos outros. Em certo momento, o atacante Fred reclamou com os companheiros, que deixavam os atletas do Libertad trocar passes livremente no campo de defesa. Individualmente, as principais peças do Atlético não funcionaram.

O Galo voltou para o segundo tempo com Rafael Moura no lugar de Danilo, que pouco ajudou a equipe na etapa inicial. O Atlético adiantou a marcação, tentou pressionar o time paraguaio, mas pouco estava surtindo efeito.

Para piorar a situação alvinegra, Fred sentiu dores na virilha e pediu substituição: Maicosuel entrou em seu lugar. Depois, Cazares foi a campo substituindo Otero. Mas quem assustava mesmo era o Libertad, que quase marcou com Ramírez e Benítez.

Nos minutos finais, o Atlético passou a pressionar. No entanto, o time não conseguiu furar a fechada defesa do time paraguaio, que se segurou até o fim. 

LIBERTAD 1 X 0 ATLÉTICO

LIBERTAD

Rodrigo Muñoz; Alan Benitez, Luis Cardozo, Antolín Alcaraz e Salustiano Candia; Iván Ramírez (Bareiro), Nestor Giménez (Román), Sergio Aquino e Ángel Lucena; Jesús Medina (Orué) e Santiago Salcedo
Técnico: Fernando Jubero

ATLÉTICO
Giovanni; Marcos Rocha, Leonardo Silva, Gabriel e Fábio Santos; Rafael Carioca, Elias, Danilo (Rafael Moura) e Otero (Cazares); Robinho e Fred (Maicosuel)
Técnico: Roger Machado

Gols: Ángel Lucena, aos 26 minutos do primeiro tempo
Cartões amarelos: Nestor Giménez, Ángel Lucena (LIB); Fábio Santos, Leonardo Silva, Giovanni (ATL)

Motivo: 3ª rodada do Grupo 6 da Copa Libertadores
Estádio: Nicolás Leoz, em Assunção
Data e hora: quarta-feira, 19 de abril, às 21h45

Árbitro: Julio Bascuñán (CHI)
Assistentes: Christian Schiemann e Carlos Astroza (CHI)

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.