sábado, 14 de Abril de 2018 11:54h

Pela Superliga, Cruzeiro vence Taubaté e se recupera.

Celestes venceram por 3 sets a 0

Após ser derrotado nos dois primeiros jogos nas semifinais da Superliga Masculina de Vôlei, o Cruzeiro conseguiu vencer o Taubaté. No terceiro jogo da série a equipe venceu por 3 sets a 0, com parciais de 25/20, 25/19 e 25/17 e ainda se mantpem vivo na melhor de cinco. 

O Taubaté  venceu os dois primeiros jogos. Em Contagem, por 3 sets a 1, e no interior pauista, por 3 sets a 0. 

Resumo da partida

No primeiro set, o Cruzeiro começou melhor e abriu vantagem, 12 a 5. Entretanto, o Taubaté reagiu  e conseguiu a igualdade em 13 a 13. Mas os donos da casa acordaram e fecharam em 25/20. 

No começo do segundo set, o Taubaté continou na cola do Cruzeiro, mas a Raposa continuou na frente e venceu por 25 a 19.

No último set, o Cruzeiro continuou melhor, abriu larga vantagem e se consoliou. O set se encerrou em 25 a 17, e o jogo em 3 sets a 0.

O oposto Evandro, do Cruzeiro, ganhou o troféu Viva Vôlei, ele foi o maior pontuador do time, com 14 bolas certeiras. E disse que o Cruzeiro mostrou disposição redobrada para diminuir a vantagem do Taubaté. 

“O time está mordido. Não foi fácil perder os dois primeiros jogos. Não é fácil pensar que a gente pode sair em uma semifinal perdendo em três jogos. O espírito mudou mesmo. É desse jeito que temos que entrar na próxima partida. Temos certeza que vai ser difícil novamente e que eles vão brigar muito lá na casa deles. Mas nossa equipe é essa. O Cruzeiro não ganhou tanta coisa fácil, sempre jogou e lutou muito”, destacou. 

Cruzeiro

Nico Uriarte, Evandro, Filipe, Leal, Simon, Isac e o líbero Serginho. Entraram Fernando Cachopa e Alemão

 

Técnico: Marcelo Mendez
 

Taubaté

Rapha, Wallace, Ivovic, Dante, Otávio, Solé e o líbero Thales. Entraram Renan, Madaloz e Matheus
Técnico: Daniel Castellani

© 2009-2018. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.