sexta-feira, 9 de Fevereiro de 2018 14:07h

Polícia encontra residência usada por criminosos para guardar objetos roubados

Dois adolescentes foram presos e confessaram vários assaltos

A Polícia Militar (PM) encontrou na tarde de quinta-feira (8) vários objetos roubados em uma residência no bairro São Geraldo, em Nova Serrana. O imóvel era usado por assaltantes para guardar os objetos. Dois adolescentes de 16 anos foram apreendidos.

A PM chegou ao endereço depois de dois suspeitos em uma motocicleta abordarem a vítima, de 38 anos, e roubarem sua bolsa. Eles estavam armados com canivete e exigiram os pertences da vítima. Na bolsa, havia documentos pessoais, cartão de crédito e R$ 70 em dinheiro.

De posse das características dos suspeitos, os policiais iniciaram buscas e encontraram uma motocicleta ocupada por dois adolescentes, ambos de 16 anos, que assumiram a autoria do crime. Durante o registro da ocorrência, os suspeitos confessaram aos militares que teriam guardado a bolsa da vítima em uma residência na Rua Alice Camilo de Andrade.

Após entregar voluntariamente a chave do imóvel, eles contaram que o local pertence a outro suspeito e que era usado para guardar objetos roubados. O dono do imóvel teria participado de um assalto ocorrido no dia 7 deste mês, em que os assaltantes usaram máscaras, que foram encontradas no local.

Os pertences da vítima foram recuperados, além de outros objetos furtados. Os suspeitos disseram ainda que um terceiro adolescente também teria envolvimento nos assaltos. Ele foi encontrado e confessou participação em assaltos ocorridos no dia 6 deste mês.

Com o menor, nada de ilícito foi encontrado e por não estar mais em flagrante delito, o adolescente não pode ser apreendido. Diante dos fatos, os outros adolescentes receberam voz de apreensão e foram levados para a Delegacia de Polícia Civil (PC).

O material encontrado na residência foi apreendido e apresentado à autoridade competente. A motocicleta usada na ação foi removida ao pátio credenciado.

© 2009-2018. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.