Artigos

Tagarelendo

Guiomar Castro

“Muitas das vezes”, “pra mim fazer”, “que eu seje”, “se eu ser”, “mendingando”, “ele soa muito”. Essas são algumas das pérolas lançadas por integrantes do programa de maior audiência na TV aberta do Brasil, atualmente. Uma delas proferida pela médica Laís que, espero, saiba mais sobre as glândulas sudoríparas do que sobre a conjugação do verbo suar.

Já Natália (recordista das frases equivocadas), por incrível que pareça, é uma das pessoas que mais sabe se expressar, no sentido de transformar em palavras o seu sentimento e a sua percepção, de forma fluente e ininterrupta. Mesmo porque ela não deixa ninguém a interromper, já que é mestra em fazer isso. Não deixa ninguém terminar uma frase, sem dar um pitaco ou colocar o foco sobre si, com uma história parecida ou mesmo nada a ver com nada.  

Outro que tem a retórica perfeita e o raciocínio coerente (mesmo que sempre a seu favor) é o Arthur que, apesar do sotaque carioca carregadíssimo, sempre constrói frases certíssimas, com concordância e conjugação bem aplicadas. O Pedro Scooby não desliza só nas ondas. De vez em quando, troca uma palavra por outra. Ficou tão intrigado por o taxarem de “indiferente” ao jogo que, numa conversa, disse: “Nós temos nossas indiferenças”. Mas esse eu perdoo com gosto. Que cara massa! Gente boa pra caramba. Do bem mesmo. Podem falar tudo da Luana Piovani, mas que ela soube escolher o pai dos seus três filhos, soube.

O Eli provoca amor e repulsa na gente. Repulsa pelas atitudes escusas, pelo jeito escorregadio de fugir do paredão. E amor pela espontaneidade, pela alegria e pela beleza não convencional. Ah, sem esquecer da forma de falar desenfreada, “desembestada” mesmo (usando um termo utilizado pela própria) da Eslô. Outra que sabe expressar bem, apesar da pressa. A cada frase sua é comum se ouvir um “o quê?”, pra que ela repita devagar o que disse.   

A professora Jessilane é formada em biologia, mas bem podia ser em letras, pois sabe se colocar de forma coerente e precisa. Forte candidata ao prêmio, ao lado de Scooby e Arthur. Sua amiga Lina é a rainha dos trocadilhos e das colocações inusitadas. Um personagem interessante, para além da sua travestilidade. Apesar de correto nos dois gêneros, tenho certeza que ela prefere “uma” personagem.                                                                                           

Guiomar Castro é jornalista e locutora do Vozes de Minas: www.vozesdeminas.com.br/voz/guiomarcastro

Verifique também
Fechar
Botão Voltar ao topo
%d blogueiros gostam disto:

Bloqueador de Anúncio Detectado

Nosso conteúdo é gratuito e o faturamento do nosso portal é proveniente de anúncios. Desabilite o seu bloqueador de anúncios para ter acesso ao conteúdo do Portal G37.