Dobrem os joelhos!

 

Mensagem de Nossa Senhora transmitida por Marilda Santana

A oração dá combate a todo tipo de maldade, a tudo que é sofrimento. A oração tem o poder de curar, libertar e exorcizar. O mundo vai precisar muito de oração. Confiem plenamente no Senhor, pois chegará o momento em que não terão tantas coisas para escolher. Será, então, preciso fazer a escolha pela verdade que é Jesus. Neste momento em
que a peste se alastra sobre a Terra, Jesus lhes pede: “Dobrem os
joelhos e orem!”. Não tenham medo, tenham fé!

Queridos filhos! Com sabedoria, fé, esperança lhes digo que a granda graça que o mundo inteiro precisa agora é a libertação de todo o mal, de tudo o que tem levado o ser humano a sofrer muito. Este é o ano dedicado à oração pela conversão das famílias. Essa é a missão de todos os missionários. Devem vivenciar uma campanha de amor e solidariedade com as almas mais necessitadas. Peço-lhes, como Mãe, que confiem mais no grande milagre que Jesus pode realizar no mundo. Ele mesmo é o grande milagre! Meditem sobre a riqueza que é Jesus na Santa Eucaristia. Façam momentos de oração. É preciso que o Brasil e o mundo se unam diante de um só Coração, formando uma corrente fortíssima, como um grande exército de Deus, pedindo ao Céu que afastem da humanidade todas as pestes, todos os sofrimentos. Há muita dor no mundo. A humanidade vê os sinais de Deus, mas não busca uma vida de conversão. O que está acontecendo hoje nos foi alertado pelo Céu por tantos e tantos anos. O Céu nos alerta com relação à oração, à conversão, à responsabilidade. Tem nos pedido que busquemos o caminho da santidade.

Mais sofrimentos ainda virão, atingindo grande parte da humanidade. Por isso, quando as pessoas não conseguem resposta, têm de confiar em Jesus. Voltem-se para Jesus! Eu lhes faço um forte apelo: coloquem o mundo nas entranhas do Coração de Jesus Misericordioso.

A oração dá combate a todo tipo de maldade, a tudo que é sofrimento. A oração tem o poder de curar, libertar e exorcizar. O mundo vai precisar muito de oração. Confiem plenamente no Senhor, pois chegará o momento em que não terão tantas coisas para escolher. Será, então, preciso fazer a escolha pela verdade que é Jesus. Não tenham medo, tenham fé! Usem a sabedoria para se fortalecerem e buscarem a fé. É preciso que tenham fé para que se desesperem. A fé lhes trará a esperança—capaz de curar a dor que será causada na Terra devido à ganância do ser humano. A criatura não tem limites para sua ganância doentia. Será essa ganância é a causa de grande dor para muitos inocentes. A arma é o Santo Terço, o Santo Rosário. Vocês devem orar mais em família.  Neste momento em que a peste se alastra sobre a Terra, Jesus lhes pede: “Dobrem os joelhos e orem!”. Estamos no tempo da quaresma, tempo de oração, de vigília, de preparação.

O que vai fortalecer o mundo para o que está vindo em sua direção será, de fato, este tempo de quaresma. É um tempo de estar mais em retiro. É tempo de se colocar nos braços de Deus. Portanto, aproveitem este tempo que estão ainda vivendo e respirem Jesus!

Não permitam que o medo, por maior que seja, retire de você a graça de respirar Jesus! Terão condições de sobreviverem às batalhas e aos sofrimentos pela fé e pela confiança! Tudo que está acontecendo hoje, filhos, é fruto daquilo que o ser humano tem plantado. Toda a dor de hoje é consequência de um ser humano que não busca Deus. Jesus nos tem falado—com clareza—que hoje a criatura quer ser mais do que Deus. Quer andar na frente de Deus, se esquecendo de colocar o Grande Criador em primeiro lugar—esse Criador que é Misericórdia, que é Pai, que é Bondade! Por isso, viverão um grande sofrimento. Mas, também poderá ser um momento de colheita das coisas boas, à medida que espalham a colheita da oração, como estão fazendo aqui hoje, com sabedoria e responsabilidade, neste Vale, onde a natureza nos aproxima de Deus. Aqui vemos como Deus criou este mundo bonito e o que as pessoas têm feito dele. A criatura, tão vazia, tem destruído tudo! O ser humano precisa ter um pouco mais de temor a Deus, pois não mais respeita ao Criador. Por isso, a dor poderá vir mais forte do que vocês conseguirão explicar, justamente devido à falta de temor de Deus. Mas a Misericórdia não nos faltará! Pense em uma grande prova como a que o mundo vêm passando nestes dias, mas respire, porque a Misericórdia não lhes faltará. A Misericórdia Divina será o alívio para o ser humano. O que Deus quer de nós?

Deus quer que nos aprofundemos na oração. Ele quer que rezemos com a alma, com o coração. É preciso orar com a consciência de que—quando não houver resposta, nem remédio para a grande enfermidade—o remédio será Jesus. Isso porque a maior enfermidade é o pecado! A Misericórdia não lhes faltará.

Eu sinto, como Mãe de Jesus, que ele está espalhando seus raios de Misericórdia no mundo inteiro (fala com grande energia)! Eu sinto, filhos, Jesus espalhando seus raios de Misericórdia, em especial, para as nações que estão causando essa grande dor no mundo. A dor está sendo causada pela falta de amor ao próximo. Jesus é a Misericórdia, nossa fonte de salvação. Ele é o nosso refúgio. O maior refúgio é o Coração de Jesus Misericordioso. Nesse Coração iremos colocar todas as nações da Terra, como  um ato de consagração, sabendo que nem todos os povos têm a sabedoria para fazer esse ato de consagração—devido a imensa incredulidade do ser humano. Mas, o Brasil é um país de fé. Mesmo durante as batalhas há pessoas que oram o rosário, e que o fazem com sabedoria. Vocês irão colocar a humanidade nas entranhas do Coração de Jesus. Cure Senhor a todos os corações doentes! O sangue que sai desse Coração é santo, é sagrado. A água que sai desse Coração é santa, é sagrada. Essa água vai lavar a sujeira que é o pecado, ao qual este mundo, infelizmente, se entrega de forma tão triste. A humanidade vive sob a lama do pecado. Faremos esse pedido a Jesus.  

Vocês vão precisar os joelhos neste tempo quaresmal para que Jesus proteja a Terra de Santa Cruz e o mundo. Todos estão sofrendo uma dor visível na carne. Só Jesus pode aliviar esse sofrimento. Só ele pode afastar da Terra essa peste, essa tempestade. Ele pode, filhos! O mais importante é que ele pode! E nós temos de ter essa confiança, essa fé.

Ninguém sabe o que poderá o seu dia de amanhã. Por isso, ofereça nesta tarde ao Senhor, a sua vida, a sua caminhada, o nosso povo, as nossas crianças, as famílias, o povo de Deus, a Santa Igreja. Faça isso porque todos estão sofrendo, estão com medo, estão apavorados. Todos vivem momentos de tensão e, mesmo que a humanidade não perceba, Jesus está nos chamando a uma vida de santidade. Nada acontece por acaso, tudo faz parte do plano de Deus. Ele está dizendo para a humanidade: “Chega de pecar, acorde! Busque a santidade!”. É isso que Jesus Cristo quer de vocês.  Que a Palavra que vem do Céu realize em nós a graça de sermos um exército pronto para a batalha. Pronto para vencer! A maior força que vocês têm para enfrentar essa batalha—com certeza—é a oração, filhos! Leiam, meditem e reflitam sobre a Palavra de Deus. Façam momentos de oração em família. Peçam perdão a Deus e lhe consagrem o mundo. Peçam a Deus a cura e a misericórdia. Ele pode. Jesus é tudo! No momento em que mundo mais perdido estava, ele se tornou o caminho. Vocês estão refletindo, justamente, sobre esse caminho. Estão em preparação para chegarem à Páscoa, que é a ressurreição, a vitória. Mas, até chegar à Páscoa, temos de trilhar o caminho. O Brasil e o mundo estarão trilhando o caminho das lágrimas, do sofrimento, do medo. Mas, Jesus nos trará a ressurreição que é a vitória, a confiança. Levanta povo de Deus. Vocês não estão derrotados. Vocês têm uma arma que vai vencer o demônio. Essa arma é o seu Santo Terço, o seu Santo Rosário! Tire do bolso essa arma e a use. Comecem a orar e verão o poder dessas contas do Santo Terço para defender o Brasil e o mundo. Temos grandes sinais de dor, mas veremos a glória. Quando Jesus fala da dor, fala também da glória.

Jesus passou pela dor. Ele viveu a dor do abandono, de ser despresado, de não ser reconhecido. Mas, ele nos deu a grande graça da vitória! Neste momento a vida de vocês está confiada a Jesus. Há tantos países em lágrimas neste dia, mas Jesus lhes pede que se levantem para a missão de orar. Talvez este seja o momento em que a humanidade mais vai ter de se unir para orar. A oração derruba todo o mal!

Há um grande mal sobre a Terra, filhos, destruindo famílias, destruindo as crianças e os jovens. Esse mal é maior do que essa peste: o pecado, a ganância! O mal é tudo o que leva as pessoas a serem escravas. Mas Deus pediu ao ser humano que fosse servo de Deus, feliz. Quando você se coloca na presença de Deus, ele lhe enche de graças. É isso que terão de fazer agora. Receberão do Céu essa graça e a levarão e a espalharão. Tenham a confiança e a força de orar. Pois, ninguém sabe o que vem pela frente, mas sabemos que, seja o que for que vier, temos uma arma para nos defender: a oração! Não sabemos do amanhã, mas sabemos aquilo que Jesus nos confia: “A oração é a grande vitória!”. Orem meus filhos! Orem com fé e receberão de Deus um grande sinal. Nenhum mal atingirá aos que forem tementes a Deus e orarem. Vocês serão protegidos pela oração. Jesus lhes pede que tenham sabedoria, que caminhem com prudência e responsabilidade. Sejam obedientes! Vocês têm de se defender. Quando a pessoa vai para a batalha, precisa se defender. Jamais se esquecer de orar. Com frequência, o demônio lança sobre o mudo as armadilhas do desespero, e a pessoa em vez de orar se desespera. Em desespero ninguém se prepara, mas se prepara em oração. Vocês são de Deus. A vida de vocês pertence a Deus!

Vocês estão aqui de passagem. Nessa passagem terão grandes batalhas. Poderão passar por fortes provas, mas a vida de vocês pertence a Deus. Então, vamos entregar a Deus o mundo, os que estão doentes, tanto os que estão doentes da alma quanto os que estão sofrendo as consequências dessa terrível peste. Deus é maior!

Vamos sentir a Misericórdia Divina, esses raios de Jesus Misericordioso jorrando sobre a Terra. Vamos louvar a Jesus, porque ele é a grande graça. Por onde Jesus passa, tudo se transforma, filhos! Estamos hoje diante da grande graça. Precisamos ter fé. Vocês vão alcançar tudo pela fé. Deus pode lhes dar tudo o que precisam. Pode dar-lhes até mais do que precisam. Às vezes, você faz um pedido a Deus e não é nem o que você realmente precisa. Pede mais o que deseja, não o que você precisa. Neste momento o mundo precisa de cura, libertação e exorcismo, pois sofre no corpo e na alma. Precisa disso para ter paz. Porque se você não tem paz, não tem riqueza. A sua riqueza não é o ouro, mas a paz! A paz é Deus Pai, Deus Filho e Deus Divino Espírito Santo. Essa é a riqueza do mundo. Tenho certeza de que muitos dariam todo o seu tesouro para ter paz. São aqueles que estão cercados de angústias, de medos, de sofrimentos. A paz, de fato, é a maior riqueza que você pode ter na vida. Vamos pedir a Deus essa paz na Terra. Essa graça da libertação. Vocês estão aqui hoje representado o mundo que chora, pedindo a Deus cura e libertação. Com amor e carinho, eu quero dar-lhes a minha bênção.

(Nossa Senhora nos abençoa, enquanto cantamos: “Dai-nos a bênção, Mãe de Bondade, Nossa Senhora de Piedade. E, logo a seguir, ela nos abençoa!)

Queridos filhos! Eu lhes abençoi com carinho e amor. A paz que o mundo precisa é Jesus. Essa paz é o Pai e o Espírito Santo. Tenho certeza que Deus é a paz. Ele está presente no coração de seus filhos curando os sofrimentos do corpo e da alma. Que Deus cure e liberte o mundo. Que vocês façam tudo para que isso aconteça. Orem filhos! Abracem este tempo quaresmal e orem. Porque o povo de Deus que ora é um povo feliz, que alcança qualquer graça. Então, dê testemunho de sua fé. Alcance essa graça. Peça a Deus que afaste esse sofrimento. A única forma de abrandar o sofrimento é a oração de vocês. Abracem essa causa: orem! Peçam a Jesus Misericordioso que coloque o mundo inteiro nas entranhas do seu Coração. Que todos permaneçam na paz. Esse é o desejo da Mãe que lhes ama imensamente, filhos! Tenham a paz e a força para seguirem firmes na fé. Não tenham medo, tenham fé! Lembrem-se disso nos momentos mais difíceis da caminhada daqui para frente. Não tenham medo! Peço a Jeus que abençoe as flores para cura e libertação dos doentes do corpo e da alma. Parabenizo aos aniversariantes. Que Deus abençoe a todas as famílias e, principalmente, à Santa Igreja, aos sacerdotes, aos missionários, às famílias missionárias, aos que servem a Deus como pais e mães missionários. Jesus vive e reina em cada coração. Ele vive e reina em cada um de nós! Que todos permaneçam em paz. Eis aqui a Serva do Senhor, Maria, a Imaculada Conceição, Mãe de Piedade, e o Senhor me chama!

(15 de março de 2020, domingo à tarde, www.valedaimaculadaconceicao.com.br)

 

© 2009-2020. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.