sexta-feira, 19 de Agosto de 2016 13:32h SEC

Biblioteca Pública Luiz de Bessa promove palestra com o professor Caio Boschi

Na próxima terça (23), o acadêmico ministra aula com o tema Sociabilidade nas Minas Gerais setecentistas

Conhecer o passado para entender como foi construído o presente e propor pontes para o futuro é a reflexão a que se propõe o projeto Aula na Biblioteca que, em sua próxima edição, traz o tema Sociabilidade nas Minas Gerais setecentistas, conduzido pelo professor Caio Boschi. Promovido pela Superintendência de Bibliotecas Públicas e Suplemento Literário, o evento acontece na próxima terça (23), às 15h. A entrada é franca.

 

O professor Caio Boschi pincela o que será desdobrado ao longo da aula. “Para compreender a realidade de Minas Gerais do século XVIII há que se ter no arco de estudo as irmandades, confrarias e ordens terceiras. A tríade funcionava como verdadeiros espaços de sociabilidade. Na palestra irei dimensionar a relevância dessas sociedades organizadas. Nos debruçaremos sobre os as micro estruturas dessas entidades para entender a conjuntura social do ciclo do ouro”.

 

A atividade Aula na Biblioteca acontece desde 2009 e traz à Luiz de Bessa recortes das discussões realizadas nos grandes centros acadêmicos. O convidado é sempre um pesquisador de uma área específica de estudo. O público alvo é, além do acadêmico, interessados no assunto, com o intuito de incentivar a inserção na faculdade e provocar a busca pelo conhecimento. A coordenadora do Setor de Coleções Especiais, Eliani Gladyr, explica a vocação do projeto. “Trata-se de uma ligação entre academia e a comunidade. É uma alocação do discurso acadadêmico para vivências da sociedade em geral”.

 

Professor Caio Boschi

Graduado em História pela Universidade Federal de Minas Gerais (1969), onde também lecionou, aposentando-se como professor titular de História do Brasil (1994). Boschi é doutor em História Social pela Universidade de São Paulo (1982). É professor titular do Departamento de História da Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC Minas). Atualmente é diretor do Centro de Memória e de Pesquisa Histórica da PUC. Durante quase 20 anos foi professor convidado e Leitor de História do Brasil, nos cursos de graduação e de mestrado de universidades públicas de Portugal. Desenvolve estudos e pesquisas nas áreas de História do Brasil Colonial, História de Portugal Moderno, de acervos documentais e arquivos históricos.

 

Serviço: Aula na Biblioteca - Tema:  Sociabilidade nas Minas Gerais setecentistas

Data: 23/08/2016 

Horário: 15h

Local: Hall das Coleções Especiais – Biblioteca Pública Estadual Luiz de Bessa – Praça da Liberdade, 21. Entrada gratuita.

Informações (31) 3269-1209

mineiriana.sub@cultura.mg.gov.br

 

Para o acompanhamento do encontro, sugere-se as seguintes leituras: 1) BORGES, Célia Maia. Escravos e libertos nas irmandades do Rosário; devoção e solidariedade em Minas Gerais - séculos XVIII e XIX. Juiz de Fora: Edit. da UFJF, 2005 e 2) SALLES, Fritz Teixeira de.Associações religiosas no Ciclo do Ouro; introdução ao comportamento social das irmandades de Minas no século XVIII. 2 ed. São Paulo: Perspectiva, 2007.

© 2009-2016. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.