quinta-feira, 8 de Setembro de 2016 12:21h SEC

Biblioteca Pública promove o seminário "O Plano Estadual do Livro que queremos"

Encontro acontece na próxima sexta-feira (09) das 8h30 às 17h30

Na próxima sexta-feira (09), o grupo de trabalho do Plano Estadual do Livro, Leitura, Literatura e Bibliotecas de Minas Gerais promove o seminário: "O Plano Estadual do Livro que queremos”, das 8h30 às 17h30, na sala de cursos do Anexo Professor Francisco Iglésias, na Biblioteca Pública Estadual Luiz de Bessa - Rua da Bahia, 1889 - 2º andar.

 

O objetivo do encontro é trazer ao debate especialistas nos objetos dos quatro eixos norteadores do Plano e, assim, contribuir para elucidar questões, apontar caminhos e apresentar novidades e informações que possam agregar valor ao trabalho que vem sendo desenvolvido pelo grupo.

Para Lucas Guimaraens, superintendente de Bibliotecas Públicas e Suplemento Literário, o seminário é produtivo para essa etapa de elaboração. “Será um momento de reflexão sobre os eixos temáticos que orientam as discussões do Grupo de Trabalho para a elaboração do Plano.  A partir da visão do palestrante, especialista em cada assunto proposto, poderemos identificar atores importantes no setor, além de antecipar possíveis problemas e debater sobre linhas de ação fundamentais a serem consideradas para a construção do documento final.”

O seminário é aberto ao público e as inscrições podem ser feitas pelo telefone (31) 3269-1256, ou pelo e-mail: clarissa.gonzaga@cultura.mg.gov.br .

 

Confira a programação do seminário 

EIXO 1 - Democratização do acesso: Marina Nogueira e Marília Paiva – 9 às 10:30

EIXO 2 - Fomento à Leitura e Formação de Mediadores: Rosana Mont'Alverne – 11 às 12:30

EIXO 3 - Valorização institucional da leitura e incremento do seu valor simbólico: Fabíola Farias – 14 às 15:30

EIXO 4- Desenvolvimento da economia do livro: Marcus Teles – 16 às 17:30

A abertura do seminário será às 8:30

 

Currículo dos seminaristas

 

Marina Nogueira

Doutoranda e mestre em Ciência da Informação pela Escola de Ciência da Informação da UFMG, possui graduação em Biblioteconomia pela UFMG (2002) e graduação em Psicologia pela FEAD (2012). Atualmente é Bibliotecária da Biblioteca Central da UFMG e coordenadora do Espaço de Leitura. Atuou como Diretora do Sistema Estadual de Bibliotecas Públicas Municipais de Minas Gerais (2013-2016), Coordenadora da Hemeroteca Histórica de Minas Gerais (2010-2013) e Coordenadora das bibliotecas escolares do Colégio Pitágoras- Cidade Jardim (2006-2007).

 

Marília Paiva

Doutoranda em Ciência da Informação pela Escola de Ciência da Informação da Universidade Federal de Minas Gerais, onde cursou a graduação em Biblioteconomia (2004) e Mestrado em Ciência da Informação (2008). Atualmente é professora assistente da Escola de Ciência da Informação da Universidade Federal de Minas Gerais, atuando no Departamento de Organização e Tratamento da Informação, ministrando disciplinas para os cursos de graduação de Arquivologia e Biblioteconomia. Suas áreas de interesse são: políticas públicas de informação para arquivos e bibliotecas; bibliotecas públicas e escolares; comunicação científica.

 

Rosana Mon’alverne

Bacharela em Direito pela UFMG, é Mestre em Educação pela UFMG, especialista em “Arte-Educação: da palavra oral à escrita” pela PUC/MG, e contadora de histórias profissional desde 1995. É sócia-fundadora do Instituto Cultural Aletria (2005), professora dos cursos de formação de narradores e mediadores de leitura, editora-chefe da Aletria e autora de três livros infantis. Atualmente, é Coordenadora-Geral do Plano Estadual do Livro, Leitura, Literatura e Bibliotecas de Minas Gerais como representante da sociedade civil, e exerce o segundo mandato como Presidente da Câmara Mineira do Livro (2014/2016 e 2016/2018).

 

Fabíola Farias

Fabíola Farias é graduada em Letras, mestre e doutoranda em Ciência da Informação pela Universidade Federal de Minas Gerais. É coordenadora da rede de bibliotecas públicas e dos projetos para a promoção da leitura da Fundação Municipal de Cultura de Belo Horizonte e leitora-votante da Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil.

 

Marcus Teles

Nascido em Dores do Indaiá, MG em 07 de julho de 1966, é diretor da Câmara Brasileira do Livro e diretor da Associação Nacional de Livrarias. Também é presidente da rede das Livrarias Leitura, onde iniciou suas atividades nos anos 80. Casado com Cláudia, pai de Pedro e Mateus.

 

Plano Estadual do Livro, Leitura, Literatura e Bibliotecas de Minas Gerais

O Plano Estadual está sendo elaborado por força conjunta entre as Secretaria de Estado de Cultura e de Educação, em parceria com a sociedade civil, e deverá seguir diretrizes apontadas pelo Plano Nacional, que começou a ser pensado em 2003, com assinatura de vários tratados internacionais instituindo políticas de incentivo ao livro e leitura. No Brasil, o primeiro documento foi firmado em 2006, resultado de mobilização em 2005, o Ano Ibero-americano da Leitura, e elaborado por um grupo de trabalho envolvendo profissionais dos Ministérios da Educação e da Cultura. Esse documento traça eixos e definições de políticas públicas para o livro.

 

Foram definidos quatro eixos de orientação na organização do Plano, baseados em indicativos da Unesco: a democratização do acesso ao livro; a formação de mediadores para o incentivo à leitura; a valorização institucional da leitura e o incremento de seu valor simbólico; e o desenvolvimento da economia do livro como estímulo à produção intelectual e ao desenvolvimento da economia nacional.

 

Serviço

Seminário "O Plano Estadual do Livro que queremos"

Data: 09/09/2016 – Sexta-feira

Horário: das 8h30 às 17h30

Local: Biblioteca Pública Estadual Luiz de Bessa – Praça da Liberdade, 21

© 2009-2016. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.