quarta-feira, 3 de Fevereiro de 2016 12:33h Secretária de Cultura de Minas Gerias

Grupo italiano de percussão desembarca na folia de BH

Composições brasileiras e italianas farão parte da apresentação incentivada pelo programa Música Minas

Som de timbal e tambores, fantasias, desfiles e muita diversão. A capital mineira já está no clima de carnaval, com blocos para todos os gostos e ritmos. Juntamente com o sambista de raiz Ronaldo Coisa Nossa, o grupo italiano Criansa Orchestra di Percussioni e Ritmi Brasiliani desembarca pela primeira vez em Belo Horizonte para participar da folia carnavalesca. As apresentações acontecem no dia 8/02, terça-feira, no Parque Municipal Lagoa do Nado, e na quarta-feira, 9/02, junto ao Bloco SBC - Samba, Bobagem e Cerveja.

O projeto “Um Carnaval Ítalo-Brasileiro” recebe o incentivo do programa Música Minas, como uma forma de fortalecer o intercâmbio cultural entre os dois países. O evento também recebe o apoio do consulado italiano e da Prefeitura de Belo Horizonte.

 

 

Carlos Crispim, mestre Conga e demais destaques do samba mineiro participam da festa. Além de composições de Ronaldo, no repertório estarão músicas carnavalescas e canções italianas e brasileiras ainda no ritmo do samba. “Este ano a diversidade quanto aos blocos de carnaval de BH está interessante. Claro que devemos pregar a cultura brasileira, mas é sempre bom ter algo a mais. A expectativa quanto ao público é a melhor possível. Espero que esteja todo mundo lá abraçando o show”, conta Ronaldo Coisa Nossa.

O grupo de percussão, conduzido pelo mestre Viviano Pesaresi, foi criado em 2010 e é composto atualmente por 22 italianos interessados nos estilos musicais brasileiros, como o maracatu. A parceria com Ronaldo começou em 2014, quando Criansa gravou uma música do sambista para o seu CD.

“Temos um amor e interesse muito grande pela cultura brasileira, então o grupo está muito emocionado e empolgado em poder realizar estes shows no Brasil. Se apresentar junto ao mineiro de samba de raiz será muito bacana. É uma mistura bem interessante e eu acho que o público vai gostar”, explica Marco Cerusico, um dos integrantes do grupo.

 

 

Música Minas

O Edital de Intercâmbio do Música Minas continua em operação. O Programa tem validade de dez meses, contados de sua publicação no Diário Oficial do Estado (05/09), e/ou de acordo com o esgotamento do valor de incentivo, R$ 700 mil.

O mecanismo para o custeio de viagens por municípios de todo o Brasil e do mundo objetiva garantir a participação de músicos, residentes em Minas Gerais, em atividades prioritariamente culturais, brasileiras ou estrangeiras, de reconhecido mérito.

© 2009-2016. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.