quinta-feira, 21 de Janeiro de 2016 09:40h Atualizado em 21 de Janeiro de 2016 às 10:34h. Agência Minas

Iepha-MG realiza cadastro para quantificar os Grupos de Folias de Minas Gerais

Ação dá a largada para o primeiro inventário desta tradição mineira. Participação das prefeituras de todas as regiões será fundamental para a eficácia da iniciativa

O Instituto Estadual do Patrimônio Histórico e Artístico de Minas Gerais (Iepha-MG) deu início neste mês aos trabalhos para lançar o Inventário dos Grupos de Folias, Ternos e Charolas de Minas Gerais. O objetivo é reconhecer essa rica tradição como patrimônio imaterial do estado.
A iniciativa resulta no primeiro levantamento compartilhado entre Estado, municípios, setores municipais de proteção ao patrimônio cultural, associações, comunidades e grupos.
Basta acessar o site do Iepha: www.iepha.mg.gov.br para chegar ao link da  plataforma colaborativa disponibilizada na página. Ali serão colhidos os dados preliminares que irão compor o Inventário das Folias de Minas.
Todos os municípios estão convidados a preencher o formulário com as informações sobre os seus grupos tradicionais de folia e assim fazerem parte do inventário. A adesão é simples e pode trazer benefícios para a cidade.

 


Pontuação no ICMS Patrimônio Cultural
Será encaminhada ao Conselho Estadual do Patrimônio Cultural (Conep) uma proposta de pontuação extra no ICMS Patrimônio Cultural para os municípios que aderirem ao Inventário das Folias de Minas por meio da plataforma colaborativa.
Quando a proposta for aprovada pelo Conep, os municípios serão instruídos com relação aos procedimentos para fazerem jus à pontuação.
A plataforma ficará disponível para preenchimento no site do Iepha-MG até o dia 30 de abril de 2016.

© 2009-2016. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.