terça-feira, 6 de Setembro de 2016 13:50h SEGOV

Interior de Minas Gerais ganha novas bibliotecas públicas

Cinco espaços já foram inaugurados com acervo doado pela Secretaria de Estado de Cultura. Novo edital para criação de bibliotecas está aberto até 12 de setembro

Minas Gerais conta com cinco novas bibliotecas públicas em diferentes regiões do estado, e, até o final do ano, serão abertas outras cinco. A ação é resultado de edital publicado pela Secretaria de Estado de Cultura (SEC) no ano passado para a criação de dez bibliotecas em cidades mineiras, com prioridade para municípios que ainda não possuíam o espaço e/ou para a instalação dos equipamentos em área rural.

Na zona rural de Perdizes, no Triângulo Sul, foi inaugurada, em junho, a Biblioteca Pública Municipal Eduardo Teodoro da Silva, que recebeu da SEC um acervo com mais de mil itens (entre livros em impressão comum e Braille, CD’s, DVD’s e audiolivros) no valor de R$ 26 mil.

O espaço, anexo à Escola Municipal Augusto Antônio de Alvarenga, fica no povoado da Igrejinha da Macega e virou um importante apoio para a cultura na região. “Temos um fluxo significativo de pessoas, os professores passaram a desenvolver projetos para incentivar os alunos a lerem mais e a frequentarem a biblioteca, e os pais também começaram a pegar livros”, diz a coordenadora administrativa da escola, Cristiana Medeiros.

“Pego muitos livros. Agora estou lendo A Grande Fábrica de Palavras, estou gostando muito. Entro lá e fico perdida de tanta coisa que tem, mas sempre escolho o livro certo”, conta.

Maria Aparecida Ferreira, 10 anos, aluna do 5º ano do ensino fundamental, assídua na biblioteca 

Inaugurada há pouco mais de dois meses, a biblioteca já tem um acervo com cerca de três mil itens. “Quando recebemos este tipo de contribuição e apoio do poder público, isso faz com que o município seja valorizado e as crianças se sintam importantes. A biblioteca virou para nós um ponto de referência, todo mundo adorou”, ressalta Cristiana.

Até agora, cinco das dez bibliotecas que receberam o acervo da Secretaria de Estado de Cultura pelo último edital já foram inauguradas: em Perdizes (Triângulo Sul), Poços de Caldas (Sul), Poté (Vale do Mucuri), Tiros (Alto Paranaíba) e em Uberaba (Triângulo Sul).

As outras cinco, nos municípios de Açucena (Rio Doce), Araçuaí (Jequitinhonha), Brumadinho (Central), Paula Cândido (Zona da Mata) e Senhora dos Remédios (Central) estão em fase de implantação. “Os livros foram entregues e os contemplados já usufruem das ações de assessoria técnica e capacitação de pessoal para a implantação e gestão das bibliotecas”, explica a diretora do Sistema Estadual de Bibliotecas Públicas Municipais, Cleide Fernandes.

Segundo dados do Sistema Estadual de Bibliotecas Públicas Municipais, dos 853 municípios mineiros, 785 possuem pelo menos uma biblioteca pública municipal. Como há localidades com mais de uma unidade, o número total de bibliotecas mais recente aponta para 814 em Minas Gerais.

População beneficiada

Em Poté, no Vale do Mucuri, a Biblioteca Pública de Sucanda foi inaugurada em outubro do ano passado e recebe em média 40 pessoas por dia, em sua maioria os alunos da escola que fica no povoado. O espaço tem cerca de 1.400 livros e é aproveitado por crianças de todas as idades e pelos moradores.

No Triângulo Sul, Uberaba inaugurou, em novembro, a Biblioteca Pública Municipal Antônio Carlos Marques, que foi instalada no bairro Abadia e abrange mais de 10 bairros distantes do centro da cidade. A superintendente de Bibliotecas Públicas Municipais de Uberaba, Ivanilda Barbosa, explica que ela funciona no Centro Municipal de Educação Avançada (Cemea). 

“Vimos que o bairro tinha um grande número populacional e diversas manifestações culturais e religiosas. Precisávamos de um espaço para motivar e incentivar a leitura no local. O Cemea foi o ideal, já que ali são desenvolvidas atividades voltadas para a inclusão social”, destaca Ivanilda.  “Recebemos da SEC um acervo excelente, de muita qualidade, que engloba desde livros de referência, dicionários, livros de literatura, Braille, entre outros”, completa.

No espaço, são desenvolvidas ainda outras atividades, como rodas de leitura, contação de história, clube do desenho, mostras de poemas e sessão de cinema. “Nossa demanda só tem aumentado, a comunidade inclusive começa a pedir para que a biblioteca fique aberta aos sábados. A ideia é exatamente envolver todos neste universo da leitura”, finaliza Ivanilda.

Edital aberto

Até o próximo dia 12 de setembro a Secretaria de Estado de Cultura mantém edital aberto para a criação de mais cinco bibliotecas em cidades mineiras, com prioridade para aquelas que não possuem o espaço. Cada um dos escolhidos receberá o equivalente a R$ 50 mil em acervo de, no mínimo, mil itens, entre livros em impressão comum e Braille, periódicos, CDs, DVDs, audiolivros, estantes e carrinhos de transporte.

O edital e os formulários para a inscrição estão disponíveis no site www.bibliotecapublica.mg.gov.br.

“A criação de bibliotecas públicas em todo o território possibilita aos mineiros não só o contato com a literatura e o livro, mas também a obtenção de novos conhecimentos, para se tornar cidadão e leitor do mundo”, reforça o superintendente de Bibliotecas Públicas e Suplemento Literário, Lucas Guimaraens.

De acordo com o edital, os municípios que ainda não têm biblioteca terão prioridade, com direito a uma quantia de pontos automaticamente somada à sua avaliação. Caso dois municípios fiquem empatados e um deles ainda não tenha biblioteca, este será o contemplado. Porém, localidades que já possuem esses espaços culturais também podem participar do edital para criar uma nova unidade, preferencialmente em distritos ou na zona rural.

As propostas devem ser protocoladas, conforme orientações do edital, no Sistema Estadual de Bibliotecas Públicas de Minas Gerais, sediado na Praça da Liberdade 21, salas 303/304, Belo Horizonte/MG – CEP 30140-010, até 12 de setembro de 2016, de segunda a sexta, das 8h às 17h, ou enviadas pelo correio para o endereço acima indicado, valendo a data da postagem feita até o último dia de inscrição.

© 2009-2016. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.