sexta-feira, 13 de Maio de 2016 13:47h Secretária de Cultura de Minas Gerias

Museu da Loucura será reaberto em Barbacena

Espaço guarda registros sobre a luta antimanicomial e reforma psiquiátrica; secretário de Estado de Cultura, Angelo Oswaldo, participa da reabertura

A data não poderia ser mais apropriada. O Museu da Loucura será reaberto na próxima quarta-feira, dia 18 de maio. Na data são celebrados o Dia Internacional de Museus e também o Dia Nacional da Luta Antimanicomial. Todo reformado, o espaço teve sua estrutura revitalizada, assim como seu circuito expositivo. Instalado no Centro Hospitalar Psiquiátrico de Barbacena há 20 anos, o equipamento cultural guarda documentos e objetos que remetem à luta antimanicomial e reforma psiquiátrica, após os duros tratamentos aplicados aos portadores de doença mental em meados da década de 50. A reinauguração conta com a presença do secretário de Estado de Cultura, Angelo Oswaldo, além do presidente da Fundação Hospitalar do Estado de Minas Gerais – FHEMIG, Jorge Nahas, e do diretor do Centro Hospitalar Psiquiátrico de Barbacena, Wander Lopes da Silva.

 

 

 

 

O artista gráfico Edson Brandão assina o projeto do museu, modernizando o seu layout. Os trabalhos tiveram início em junho de 2014, com ampla reestruturação do prédio, adequação de áreas físicas, restauração e ampliação do acervo. Desde então o equipamento se encontrava fechado.

A nova exposição permanente é composta por objetos, fotografias, documentos, equipamentos e instrumentação cirúrgica que contam a história do antigo Hospital Colônia. Painéis audiovisuais informativos fazem referência a trechos de livros, músicas e passagens de jornais antigos. A interatividade será possível por monitores touchscreen, que ampliam o conceito histórico e acrescem recursos tecnológicos ao museu.

 

 

 

Criado em 16 de agosto de 1996, o equipamento é mantido por uma parceria entre a Fundação Hospitalar do Estado de Minas Gerais- Fhemig, o Centro Hospitalar Psiquiátrico de Barbacena - CHPB e a Prefeitura Municipal de Barbacena, por meio da Fundação Municipal de Cultura. A entidade já registrou em seu livro de assinaturas 131.156 visitantes.

© 2009-2016. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.