quarta-feira, 16 de Março de 2016 12:27h Agência Minas

Secretaria de Estado de Cultura lança edital Circula Minas 2016

Iniciativa oferece R$ 300 mil como apoio para participação de mineiros em atividades culturais nacionais e internacionais

Agregar peculiaridades de todo o mundo e disseminar as tradições mineiras é a proposta da Secretaria de Estado de Cultura (SEC), por meio da Superintendência de Interiorização e Ação Cultural com o lançamento do edital Circula Minas 2016.

A solenidade que marca a abertura de inscrições de projetos, que vão até 23 de setembro, aconteceu nesta quarta-feira (16/3) no Teatro José Aparecido da Biblioteca Pública Estadual Luiz de Bessa e contou com apresentação da Cia Baobá, contemplada no edital Circula Minas 2015, com viagem para Berlim.

O secretário de Estado de Cultura, Angelo Oswaldo, frisou a importância da manutenção da iniciativa, que foi ampliada e democratizada, desde o edital de 2015. “O deslocamento de artistas mineiros para territórios nacionais e destinos estrangeiros é muito importante para a itinerância da cultura mineira. Por isso robustecemos o programa Circula Minas, no ano passado e que tem sua continuidade em 2016”.

O edital dispõe de R$ 300 mil para serem destinados a artistas, estudiosos da cultura, técnicos, agentes culturais, mestres e mestras dos saberes e fazeres populares, com residência permanente em Minas Gerais, para participarem de atividades prioritariamente culturais, promovidas por instituições brasileiras ou estrangeiras de reconhecido mérito.

Circula Minas

O Circula Minas é oriundo do programa de apoio a viagens, utilizado até 2014, que destinava em torno de R$ 115 mil por meio da concessão de passagens que viabilizavam a participação de artistas mineiros em eventos culturais em âmbito nacional e internacional.

A implementação de edital, a pré-inscrição online e a transparência nos critérios de participação e avaliação, adotados no ano passado, reafirmam o compromisso da SEC com a democratização e ampliação dos mineiros ao acesso à cultura.

Em 2015, primeiro ano de vigência do programa por meio de edital, 104 artistas foram para 15 países e seis estados brasileiros, além de Minas Gerais, números que configuram aumento de 300% com relação a 2014. 

A superintendente de Interiorização e Ação Cultural, Manuella Machado, destaca a abrangência alcançada pelo incentivo. “O Circula Minas é um importante mecanismo de valorização e difusão das manifestações culturais dos cidadãos mineiros, além de contribuir para a preservação da nossa diversidade cultural. Nossa riqueza é claramente percebida nos resultados do projeto, que atende desde grupos das culturas populares a artistas contemporâneos, por exemplo”.

 

© 2009-2016. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.