sexta-feira, 3 de Junho de 2016 16:09h Atualizado em 3 de Junho de 2016 às 16:12h. Agência Brasil

Tombamento do Teatro Cultura Artística em São Paulo é homologado

O Ministério da Cultura homologou o tombamento do Teatro Cultura Artística, na capital paulista. A decisão foi publicada hoje (3) no Diário Oficial da União

O prédio, além do elevado valor histórico tem, em sua fachada, um painel do pintor Di Cavalcanti (1897-1976), que está entre os maiores artistas plásticos brasileiros.

Localizado na Rua Nestor Pestana, 196, bairro da Consolação, o teatro foi inaugurado em 1950, com um concerto do maestro e compositor Heitor Villa-Lobos (1887-1959). Em agosto de 2008, foi parcialmente destruído por um incêndio. A estrutura do edifício ficou comprometida, na época, com a queda do telhado.

Na década de 60, quando o prédio abrigava os estúdios da extinta TV Excelsior, um incêndio também afetou o prédio.

 

 

As obras de reconstrução começaram pelo painel de Di Cavalcanti, um mosaico em vidro que tem 48 metros de largura e 8 de altura e também pela fachada do edifício.

Atualmente, o teatro ainda passa por uma reestruturação. Segundo o site do Cultura Artística, quando estiver pronto, o local ganhará acesso direto pela Praça Roosevelt e terá duas salas de espetáculos. A maior, com capacidade para 1.137 espectadores, terá fosso para orquestra e palco com área de 400 metros quadrados.

© 2009-2016. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.