quinta-feira, 7 de Julho de 2016 14:14h Acasp

7ª Região da PM deve receber 147 novos soldados em 2017

O Comandante da 7° Região da Polícia Militar, Cel Helbert William Carvalhaes participou essa semana da reunião da Acasp e anunciou uma boa notícia

 

O Comandante da 7° Região da Polícia Militar, Cel Helbert William Carvalhaes participou essa semana da reunião da Acasp e anunciou uma boa notícia: o aumento do efetivo da PM a partir de 2017. 147 soldados vão compor o quadro de militares atuantes na 7ªRPM após a capacitação. O Curso de Formação de Soldados da Polícia Militar terá início no dia 28 de julho e tem um prazo de duração de nove meses, com término previsto para abril de 2017.

 

 

Foram ofertadas 1.410 vagas, sendo que 141 delas são destinadas para o sexo feminino. Pelo edital estavam previstas 120 vagas que seriam destinadas para a 7ªRPM. Porém, como não foi contemplada todas as vagas, atingindo 900 candidatos, as 510 remanescentes serão reportadas para cidades do interior. A 7ªRPM ficará com 27 candidatos excedentes.

 

87 candidatos vão prestar o curso em Divinópolis, o restante (60) participam das aulas em Bom Despacho “Esses novos soldados fazem parte da 7ªRPM, que compõe o Centro-Oeste de Minas, totalizando 50 cidades. Esse reforço será redistribuído conforme a necessidade e a demanda de cada município. Considerando que Divinópolis é a maior cidade da região, ela pegará a maior fatia desse grupo de militares”, esclareceu Comandante da 7ªRPM, Cel Carvalhães.

 

A remuneração básica inicial para o Soldado 2ª classe da PMMG é de R$ 3.049,05. O Estado ficou aproximadamente dois anos sem oferecer o recrutamento. Como a capacitação será realizada em Divinópolis, os novos militares terão oportunidade de vivenciar a realidade do município “A chegada desses policias vai possibilitar uma visibilidade maior do trabalho da PM podendo atuar de forma mais efetiva, com policiais na rua”, concluiu Comandante da 7ªRPM, Cel Carvalhães.

© 2009-2016. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.