quarta-feira, 7 de Novembro de 2012 06:00h Erik Ulysses

Acusado de homicídio é absolvido por júri popular em Divinópolis

A Terceira Vara Criminal de Divinópolis absolveu na manhã de ontem Marco Antônio Neto, 35 anos, acusado de assassinar Samuel dos Reis Viana, de 27 anos, no dia 13 de novembro de 2011. O crime ocorreu na Rua Pequi, bairro Jardinópolis. Samuel teria ido até a casa de Marco Antônio e após uma briga entre os dois Marco desferiu uma facada no peito de Samuel, que morreu na hora. O autor do crime fugiu logo em seguida, porém a PM conseguiu prendê-lo depois de rastreamento.

 


Marco Antônio foi a júri popular na manhã de ontem por volta das 08h30. O conselho de sentença que julgou o caso foi composto por uma mulher e seis homens e foi presidido pelo juiz Dalton Soares Negrão. O Ministério Público pediu a absolvição do réu e os jurados o consideraram inocente.

 

Durante todo o processo, até o julgamento na manhã de ontem, Marco Antônio ficou preso na Floramar.

 

Hoje ocorrerá mais um julgamento por homicídio

 

O processo tem como réu Waltercides Ramos Júnior, de 31 anos, também conhecido como “goiano”. Ele também irá a júri popular pelo assassinato de Fábio Neves Batista, de 29 anos, ocorrido no dia dois de junho deste ano. O crime ocorreu na Rua Cabo Maurício dos Santos, bairro Serra Verde e teria sido provocado por uma briga entre os dois. O acusado então pegou uma faca e desferiu golpes no tórax e costas da vítima. Fábio chegou a ser socorrido, mas não resistiu aos ferimentos.

Leia Também

Imagem principal

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.