terça-feira, 7 de Abril de 2015 10:32h Atualizado em 7 de Abril de 2015 às 10:39h. Mariana Gonçalves

Cantora divinopolitana irá agitar público durante apresentação na Divinaexpo

A 45ª Divinaexpo está prometendo ser ainda mais especial do que as edições anteriores, especialmente para a cantora divinopolitana Isabella Resende, que irá se apresentar pela primeira vez no palco principal da festa

“Provavelmente será na segunda-feira (1º), farei a abertura do show do Chrystian e Ralf. Estar no palco principal da Divinaexpo era meu maior sonho, vou me emocionar bastante quando estiver lá”, comenta a cantora.
Em anos anteriores, a Divinaexpo proporcionou a Isabella oportunidade de se apresentar com os cantores Jorge & Matheus, Thaeme & Thiago, Cristiano Araújo, Jads & Jadson, entre outros artistas. Além do reconhecimento, a cantora destaca que se apresentar com artistas já consagrados no meio musical traz novas possibilidades de crescimento para a carreira. “Abrimos portas tanto para gravações com artistas de renome quanto para parcerias de composições. A maioria dos grandes artistas tem interesse em buscar cantores menores com talento em composição para misturar seu trabalho”, diz Isabella.

EM BREVE...
Por falar em crescimento profissional, a cantora está na fase final de preparação do seu primeiro Extended Play (EP) – disco com poucas faixas musicais. Segundo Isabella, o CD terá cinco músicas inéditas. Atualmente está sendo feito o processo de impressão das capas dos discos e brevemente o trabalho poderá ser conferido pelo público.
A mineira está se programando para apresentações fora do Estado, Estão previstos shows em Goiás e São Paulo. Recentemente a artista esteve em Las Vegas para a gravação de dois videoclipes, trabalhos que poderão ser conferidos dentro de mais alguns dias por meio do canal da Sony Music - Vevo, no Youtube.
Atualmente, a música “Cortando Trecho” é a melodia de trabalho da cantora. Uma surpresa relacionada a essa canção está sendo preparada para os fãs. “Mandei via um aplicativo do celular essa música para os meus amigos, daí eu recebi do Guilherme Marchi e do Caíque Pacheco, que são grandes nomes do rodeio até internacional, um vídeo cantando a Cortando Trecho, me senti muito feliz, a música realmente foi um estouro. Esses dias mesmo tive notícias de que ela estava tocando num dos maiores rodeios do Brasil, que é no Paraná”, destaca a cantora.

DNA MUSICAL
Desde criança a música faz parte da vida de Isabella. Em sua família há uma mescla de estilos musicais. “Meu pai é formado em musica, especialista em violão clássico popular, ele está mais acostumado com MPB, Pop Rock, Rock Internacional. Já o sertanejo eu tenho por parte da minha mãe. Meu avô era tropeiro, levava a boiada de Minas Gerais para outros locais do Brasil, daí veio minha paixão pelo sertanejo”, explica a cantora.
Aos dez anos de idade Isabella se apresentava pelos bares de Divinópolis em uma parceria com seu pai. Aos 15 anos a cantora deu início a sua careira solo, época em que conheceu o empresário Júlio Batista, que até hoje cuida de sua carreira por meio da Lucs Promoções.
Em sua formação musical o gosto pela música country, ritmo predominante da cultura estrangeira, está misturado ao sertanejo brasileiro em belas composições. “Estou num trabalho diferente que é contar a história dos peões brasileiros de rodeio. Tem muito que não vejo ninguém retratar isso. Em 1970 a Jayne e o Naldo Aguiar é que faziam esse trabalho de cantar as histórias dos peões, então resolvi trazer um country bem pop, estilo Shania Twain, para contar essas histórias”, afirma.
Ainda sobre as influências musicais, Isabella diz admirar o trabalho dos artistas Bruno & Marrone, Zezé de Camargo & Luciano, Chitãozinho & Xororó, Milionário & José Rico, Chrystian & Ralf, Cristiano Araújo, Jorge & Matheus, Gusttavo Lima e Eduardo Costa. Para a artista o sertanejo traz consigo uma possibilidade de vários ritmos dentro de apenas um formato.
No entanto, para ela, o respeito às raízes sertanejas devem sempre ser cultivado. “Independente de qualquer coisa, a música deve ser cantada com sentimento. Ela tem que tocar o coração da pessoa, mesmo que seja uma melodia animada, romântica, uma história. De alguma forma a música precisa tocar o ouvinte”, completa.
Outras informações sobre a cantora podem ser obtidas por meio da página Isabella Resende Oficial, no Facebook.

 

Crédito: Bruno Fioravante
Crédito: Divulgação

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.