sexta-feira, 28 de Agosto de 2015 10:53h Atualizado em 28 de Agosto de 2015 às 11:25h. Mariana Gonçalves

Centro de especialidades médica irá funcionar no imóvel do antigo Pronto Socorro

A parceria entre a Prefeitura de Divinópolis, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (Semusa)

A parceria entre a Prefeitura de Divinópolis, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (Semusa), e a Universidade Federal de São João Del-Rei/Campus Centro-Oeste Dona Lindu (UFSJ), trouxe para o município a instalação do Centro de Especialidades Médicas (CEM). O centro irá funcionar no antigo Pronto-Socorro Regional e inicia suas atividades a partir do próximo mês. “O Centro de Especialidades Médicas vem suprir um vazio assistencial do SUS, que ainda não conseguiu, na perspectiva nacional, dar uma diretriz sobre o acolhimento especializado à saúde do paciente. Agora, em convergência, a UFSJ vai ofertar, através dos seus professores doutores e alunos, consultas especializadas nas mais diversas áreas”, explica o secretário de saúde, David Maia.
Dando sua contribuição a este projeto, a Prefeitura de Divinópolis entra com a infraestrutura para o CEM funcionar. “Estamos disponibilizando o pessoal de enfermagem, corpo de auxiliares de atendimento e, inclusive, ofereceremos um serviço de odontologia”, acrescenta David.

 

ÁREAS DE ATENDIMENTO

De imediato, a parceria com a UFSJ permitirá instalar neste local: especialidades nas áreas de endocrinologia, infectologia, reumatologia, nefrologia, otorrinolaringologia, urologia, ginecologia, cardiologia, pneumologia e cirurgia ambulatorial. Estão incorporadas neste aparelho de saúde pública as ações do Centro Hiperdia, garantindo, assim, o atendimento aos hipertensos e diabéticos, conforme compromisso feito pelo município. “Além dos consultórios médicos, estão sendo previstos mais três ambulatórios específicos para enfermagem. Um de úlceras crônicas, outro relacionado à vacina e uma rede de cuidados com pessoas com deficiências que são estômias. Somado a isso, estamos fazendo uma discussão para montar uma farmácia para atender a população, ligada ao curso de farmácia da UFSJ”, pontua o diretor do Campus Centro Oeste Dona Lindu/UFSJ, Eduardo Sergio da Silva.
O atendimento no Centro de Especialidades Médicas será diferenciado e terá a coordenação direta de professores doutores da UFSJ. Também serão incorporados a este atendimento, os profissionais de saúde da Semusa.

 

ADEQUAÇÕES

A expectativa é que as atividades do Centro de Especialidades Médicas tenham início em setembro. Para atender às necessidades do CEM, o antigo prédio do Pronto Socorro passa por adequações. O local ganhou nova pintura externa e interna e agora estão sendo colocadas as divisórias que irão organizar o ambiente de trabalho dentro do Centro de Especialidades Médicas com a criação dos consultórios e demais setores. “As obras estão bem adiantadas e já estamos levando os móveis para o CEM. Estamos adquirindo novos computadores e a parte de rede (internet). O pessoal da limpeza também está por lá”, conclui Eduardo.
Em fase final, também está o trabalho de jardinagem, que dará um aspecto mais agradável a este prédio.

 

FUNCIONAMENTO

Tão logo inicie suas atividades, o Centro de Especialidades Médicas atenderá a população de segunda à sexta-feira, das 7h às 18h. Os encaminhamentos para o Centro de Especialidades Médicas Semusa/UFSJ serão feitos por meio das unidades de saúde. “A sensibilidade do prefeito Vladmir Azevedo permitiu um destino nobre àquele espaço que atenderá, com conforto e qualidade, a população. É importante ressaltar, também, a parceria com a UFSJ, que tem se mostrado sensível às questões locais e a partir daí, juntado forças com a Semusa e Prefeitura. Projetos como este, fazem com que a gente tenha gás para continuar trabalhando, buscando novidades a cada instante”, diz David.

 

Créditos: Rodrigo Dias

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.