quarta-feira, 17 de Outubro de 2012 10:34h Mariana Gonçalves

Comunidades rurais recebem palestras educativas sobre trânsito

A  Settrans percorre hoje e amanhã (18) as comunidades rurais em torno de Divinópolis. O objetivo é despertar nas  crianças o conhecimento sobre assuntos ligados a educação e segurança do trânsito.

 


Além de mostrar os procedimentos corretos para se conseguir um trânsito seguro, os agentes da secretaria irão realizar durante as palestras esclarecimentos e ainda apresentar os planos de atenção para evitar acidentes.

 


Por meio de teatro, palestras, música e brincadeiras, as crianças serão orientadas sobre a importância de se respeitar as regras, pois mesmo sendo pedestres têm importante papel nessa relação, o que é garantia de segurança para elas e os motoristas.

 

Hoje a visita será na escola Maria Valinhas Ramos, localizada na comunidade Amadeu Lacerda, já na quinta-feira(18), será a vez dos alunos da comunidade Djalma Dutra receber as palestras, as duas visitas serão no período da manhã.

 

Caso mais escolas se interessem em levar os agentes  para uma aula de educação e segurança no transito, eles podem solicitar a visita via ofício, dirigido aos cuidados da educadora de trânsito Consuelo dos Santos. ou pelo e-mail transito@divinopolis.mg.gov.br. E ainda na própria Settrans, localizada na Rua Espírito Santo, 257, Centro de Divinópolis. É válido ressaltar que as ações da  secretaria nas escolas, continuam ate o dia 7 de dezembro.

 


De acordo com Consuelo dos Santos Toledo, a proposta de levar o trabalho, que já é realizado nas escolas urbanas de Divinópolis desde de março, para as escolas  rurais partiu da observação do meio de transporte usado para levar as crianças ate a escola. “ A maioria dos alunos que estudam na zona rural utilizam vans ou ônibus para chegar a escola. Então inovamos esse trabalho levando os agentes de trânsito até as escolas para um trabalho de conscientização. Sensibilizar mesmo esses alunos a serem transportados com segurança” revelou.

 


A educadora ainda completou “Porque isso depende muito deles, mesmo que tenha o acompanhante e  o motorista. Eles colocam o braço do lado de fora, ficam em pé dentro do ônibus”explica Consuelo.

 

Um dos pontos colocados pela secretaria de Transito e que será bem trabalhado pelos agentes, é o costume das crianças ficarem de pé nos ônibus em movimento, isso pode acabar causando um grande acidente. Inclusive, a educadora de transito cita um exemplo corriqueiro do dia a dia que pode fazer a diferença, caso os alunos estejam da maneira correta. “ Se o ônibus tem que frear bruscamente, esses alunos que estão em pé irão cair e se machucar”afirma.

 


A recomendação que a Settrans busca fixar na cabeça das crianças é que a segurança delas no trnsito, nesse caso do transporte para a escola, depende não só do motorista, mas também dela própria. Por isso as dicas são “ ter paciência, porque quando chega na escola todo mundo quer descer de uma vez. E as vezes um ou outro, acaba empurrando e derrubando o colega na hora de entrar ou sair”diz a educadora de transito da Settrans.

 

EDUCAR OS PAIS

 

Os pais ou responsáveis pela criança tem um papel fundamental em todo o trabalho da Secretaria de Transito, não basta os agentes ensinarem para as crianças, se quando eles estiverem com os pais, fizerem do modo errado. Porém segundo a Settrans, ainda não é possível estender muito esse trabalho, devido a equipe ser reduzida. Mas, o trabalho com os pais está previsto para ser feito
da seguinte maneira; “temos planejado de participar nas escolas da reunião de pais. Assim podemos levar essas informações também para que os pais sejam os cobradores dessas regras de segurança para os alunos, seus filhos”finaliza Consuelo.
 

Leia Também

Imagem principal

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.