quarta-feira, 10 de Agosto de 2011 13:50h Jéssica Ramos

Dia do Garçom é comemorado amanhã

Amanhã (11) comemora-se o Dia do Garçom e o trabalhador responsável por atuar em festas e servir pessoas terá a chance de comemorar o seu dia e também de ser servido. O Sindicado dos Empregados em Turismo e Hospitalidade de Divinópolis, órgão que representa a classe, oferecerá aos profissionais uma festa no dia 19 setembro. Além de comemorar o dia dedicado à profissão, os garçons têm motivos de sobra para festejar a regulamentação da profissão, o que trouxe a eles vários direitos.

 

O garçom Itamar de Alcântara com 11 anos de profissão contou ao Gazeta sobre as melhorias no trabalho, ele afirmou que além do retorno financeiro, do trabalho ser bom, ainda se sente feliz e valorizado. Segundo Itamar, o motivo foi a lei homologada no Sindicato pelo Ministério do Trabalho que permite a obrigatoriedade do pagamento adicional de 10% do valor da compra em bares e restaurantes de Divinópolis. O valor é repassado aos garçons fazendo com que assim sejam mais bem remunerados.

 

Alcântara explicou que gosta de trabalhar como garçom não só pela remuneração, mas também pelo contato com o público e pelas experiências que adquire a cada dia. “Dá retorno também pela questão do conhecimento e de se comunicar com pessoas de várias formações, sem falar que a gente conhece celebridades e conquista muitas amizades” revelou.

 

Itamar, que também é secretário do sindicato que defende os seus direitos, deixou um conselho para os candidatos à profissão. “Se a pessoa realmente gosta de lidar com o público e tem vocação, paciência e determinação, pode entrar que é uma profissão que dá um ótimo retorno”. O garçom contou ainda que na festa anual de homenagem aos trabalhadores da área no dia 19 de setembro, quem serve não são eles, mas é vez de serem servidos. A comemoração ainda é acompanhada de um torneio de futebol.

Leia Também

Imagem principal

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.