sábado, 20 de Junho de 2015 12:06h Atualizado em 20 de Junho de 2015 às 12:09h. Jotha Lee

Estado participará de recuperação financeira do Hospital São João de Deus

Uma reunião com mais de três horas de duração ocorrida ontem na Secretaria de Estado da Saúde (SES) em Belo Horizonte, garantiu bons resultados para o futuro do Hospital São João de Deus (HSJD)

O encontro reuniu o deputado federal Jaime Martins (PSD), o superintendente do Hospital São João de Deus, Afrânio Carvalho, o secretário municipal de Saúde de Divinópolis, David Maia, o promotor representante do Ministério Púbico Sérgio Gildin, além dos secretários de estado de Saúde, Fausto Pereira, e de Planejamento e Gestão, Helvécio Magalhães.
Com uma dívida global de R$ 120 milhões, o Hospital São João de Deus continua buscando mecanismos para sair da crise que afeta a instituição desde 2012, quando foi descoberto um rombo de R$ 84 milhões em suas contas. O encontro realizado ontem teve como principal foco discutir maior participação financeira do Estado para recuperar o hospital, que apesar da intervenção administrativa ainda está longe de conseguir equilibrar as contas, necessitando de novos aportes financeiros. O São João é a única unidade da cidade que atende pelo Sistema Único de Saúde (SUS), além de atender a outros 54 municípios da região Centro-Oeste.
Representado pelos secretários Fausto Pereira e Helvécio Magalhães, o Estado concordou em aumentar sua participação financeira na recuperação do Hospital, sem no entanto interferir em sua gestão, que continua sob controle da Dictum, empresa especializada em administração hospitalar indicada pelo Ministério Público para a intervenção administrativa que começou no ano passado.
REPASSES
Ainda não se sabe quais os valores e como serão feitos os repasses por parte do Estado após esse acordo. O que ficou definido é que haverá maior volume de recursos do governo Estadual, que garantirá o funcionamento do hospital. Será feito um levantamento que vai dimensionar os valores financeiros necessários para o reequilíbrio do São João e que serão garantidos pelos cofres estaduais.
Ao fim do encontro, o deputado Jaime Martins garantiu que as decisões tomadas trazem novas expectativas e a certeza de que o hospital retomará sua vocação. “Essa foi uma reunião decisiva, de virada de curso do hospital. Eu saio da reunião bastante aliviado, certo de que as discussões que ainda virão para a definição dos valores financeiros a serem repassados, irão propiciar a continuidade do trabalho do hospital e aumentar sua capacidade assistencial. Tenho certeza de que a partir dessa reunião, o São João terá uma outra história”, comemorou o deputado.

 

Crédito: Elias Costa

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.