sábado, 16 de Julho de 2011 09:18h Sarah Rodrigues

Fúria Sobre Rodas vai agitar os apaixonados por carros

Evento é conhecido por trazer os melhores automóveis e pilotos

O Fúria Sobre Rodas (FSR) que acontece amanhã (17) no Parque de Exposições em Divinópolis completa seis anos e promete agradar o público participante.Segundo o organizador do evento Adilson Alves da Silva, mesmo com algumas mudanças devido a legislação municipal sobre os sons automotivos, o FSR traz muitas atrações e os melhores pilotos para o município, além dos carros “tunados”, rebaixados, antigos e o moto show.


Para Adilson, o FSR é um encontro que reúne carros, motos, envolvendo manobras radicais, exposições, além de ser um encontro dos jovens que gostam desse tipo de evento.


De acordo com o organizador, este evento é voltado para o encontro de carros “tunados”, rebaixados, turbinados, antigos, moto show, manobras radicais e o som dos paredões, que são os sons dentro das caminhonetes. “Dessa vez tivemos que mudar todo o evento, devido às normas exigidas na cidade, a patrulha do silêncio. Sempre trazemos uma etapa do campeonato brasileiro de som, neste evento nós tentamos não trazer transtornos para a cidade”.


O Fúria Sobre Rodas está previsto para começar as 10h e terminar as 18h. Silva avalia que as atrações são as melhores do Brasil, como o Golf Fire Blade, de São Paulo, o carro mais “tunado” do Brasil, os maiores paredões de Minas Gerais. Além da artística Luanna Furacão, do Furacão 2000, que fará o “lava rápido” do evento. Com exceção do Cachorrão Moto Show todas as apresentações são inéditas no município. “Durante todo o dia, será uma exposição de coisas bonitas, carros bonitos, muita gente bonita, vamos trazer o melhor piloto de manobra de motos do Brasil, que é o Cachorrão Moto Show, do Rio de Janeiro. O melhor piloto de manobra de carro, que é o Cássio Phira Show, do Mato Grosso”, frisou.


O organizador explicou que haverá muito policiamento, dentro e fora do evento, a presença de um resgate, dos brigadistas, seguranças, além de agentes da Settrans. “É um evento organizado com carinho para atender o público que participará no domingo”.


No evento haverá um espaço para os carros que se mostrarão, e um estacionamento para aqueles que vão aproveitar o evento. “Os carros que farão as manobras são carros contratados, pois trabalhamos com pessoas profissionais”, enfatizou Adilson.


Devido a mudança do evento, Silva pontuou que não sabe precisar uma média de público, mas pela vendagem de ingressos o público será bom. “A expectativa é muito boa, pela venda de ingressos. No ano passado, nós tivemos 12 mil pessoas no Parque, mas com a mudança no evento a gente não sabe a receptividade, mas pela animação da galera, o parque estará lotado”, esclareceu.


Para Alves o evento está crescendo cada vez mais na cidade, por isso a necessidade de inovações, para agradar o público, sempre presente nos eventos. “A gente sempre traz novidades para a cidade. Em eventos automotivos, Divinópolis, hoje é uma das maiores do Brasil. Tentamos trazer coisas novas para atrair o público”.

 

SÔSSEGO


O organizador explica que em todos os cartazes de divulgação do evento existem explicações sobre a patrulha do sôssego e a proibição de ter som alto na cidade.Ele afirma que faixas foram afixadas no município informando sobre a lei e que todos os participantes são orientados a não ligarem o som durante o evento, a não ser os paredões convidados pela organização. “O pessoal tem que ter um respeito e não ligar o som em locais inadequados. No evento também tem os locais reservados, não é em todo lugar que o som poderá ser ligado”, contou.

 

PÚBLICO


Os ingressos já estão no segundo lote e são vendidos em diversos locais. Comprando o ingresso antecipado, a pessoa leva o novo CD do Fúria Sobre Rodas.Crianças de até 12 anos não pagam, mas precisam estar acompanhadas dos pais. Jovens de 13 a 15 anos precisam estar acompanhados pelos pais ou responsáveis.A partir dos 16 anos é necessária a apresentação de um documento de identidade. Maiores de 60 anos não pagam ingresso e estudantes pagam meia na portaria do evento. “Não gostamos de colocar o preço do ingresso caro, gostamos de lotar o Parque de Exposições”, finalizou o organizador.

Leia Também

Imagem principal

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.