quinta-feira, 25 de Agosto de 2016 11:38h Gazeta Montense

Idoso de 79 anos é preso por abusar de menor em Pedra do Indaiá

Polícia Militar pegou suspeito na casa de dois irmãos enquanto os pais deles trabalhavam

Um homem de 79 anos foi preso na segunda-feira, dia 22, em Pedra do Indaiá. A Polícia Militar foi acionada através de uma ligação anônima onde o denunciante informava que o idoso estava na casa dos dois irmãos enquanto os pais dos menores estavam ausentes, trabalhando. Quando os militares chegaram à casa, o idoso atendeu à porta e tanto o menino de 10 anos quanto a adolescente de 12, ficaram nervosos.

Questionado sobre o que estaria fazendo ali, o homem disse que foi levar frutas para os meninos, pois a família passa por dificuldade financeira, fato que foi confirmado pela garota. Experientes, os militares perceberam logo o clima e usando a tática especial neste caso, a garota confiou neles e acabou contando que o idoso havia dado dinheiro ao seu irmão, pedindo para que ele fosse à padaria e durante este tempo, tentou passar a mão nela, com claro interesse libidinoso.

O idoso foi preso e ouvido pela Polícia Civil da Comarca e as crianças atendidas pelo Conselho Tutelar, onde os policiais ficaram sabendo que em 2014, o mesmo idoso já havia sido denunciado no Conselho Tutelar por tentar abusar da mesma criança, que na época, teria apenas 10 anos. No entanto, na época, a ocorrência foi registrada apenas no Conselho e não na Polícia Militar ou Civil. A garota contou ao conselheiro que cuidou do caso que o idoso chegou a tocá-la e teria oferecido R$ 50 para que ele pudesse praticar sexo com ela. A menina deverá passar pelo exame de corpo delito e o idoso foi autuado e levado para o Presídio de Arcos.

Com quase 80 anos, o autor não deverá ficar muito tempo na cadeia por conta da idade avançada. Mas o clima deve ficar muito ruim para ele na cidade onde mora e todos o conhecem.

© 2009-2016. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.