segunda-feira, 5 de Agosto de 2013 07:08h Naiara Santos

Inscrições para 19° Seminário Mineiro de Plantas Medicinais já estão abertas

Nesta última quinta-feira foram abertas as inscrições para o 19° Seminário Mineiro de Plantas Medicinais que será realizado nos dias 29 e 30 de novembro na Universidade Federal de São João del-Rei (UFSJ), campus Dona Lindu, em Divinópolis. O período para

Nesta última quinta-feira foram abertas as inscrições para o 19° Seminário Mineiro de Plantas Medicinais que será realizado nos dias 29 e 30 de novembro na Universidade Federal de São João del-Rei (UFSJ), campus Dona Lindu, em Divinópolis. O período para as inscrições ocorre do dia 1° ao dia 31 de agosto. Com uma taxa de inscrição de $60,00 na primeira quinzena do mês, e na 2° no valor de $100,00.
O evento é anual e itinerante que acontece numa instituição de ensino superior, sendo particular ou federal. Idealizado na Universidade Federal de Viçosa (UFV), já apresenta edições anteriores realizada em universidades como Universidade Federal de Viçosa, Universidade Federal de Lavras, Universidade Federal de Ouro Preto, Universidade de Alfenas, Universidade Federal de Juiz de Fora, Universidade Federal de Minas Gerais, Universidade Federal de São João del-Rei, Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri, Universidade do Estado de Minas Gerais, campus Ituiutaba, Instituto Federal de Minas Gerais, campus Bambuí. Tem um significado relevante para o Estado de Minas Gerais que permitirá a atualização do conhecimento técnico - cientifico, o apanhamento do conhecimento popular sobre plantas medicinais.
Segundo a professora de farmacobotânica da universidade, o motivo de ter trago o evento para o campus foi por a faculdade possuir cursos na área da saúde, como farmácia, enfermagem, medicina e bioquímica, com isso as pesquisas em relação às plantas medicinais se mostram presentes na região. Pode estar participando tanto pesquisadores, estudantes (graduação e pós-graduação) e profissionais das áreas de Saúde, Ciências Biológicas e Ciências Agrárias, raizeiros, produtores rurais e agentes de movimentos pastorais e de ONGs envolvidos com a prática do uso de plantas medicinais. Toda a população em geral.
Terá palestras, mini cursos e mesas redondas que serão conduzidas por pesquisadores nas diferentes áreas das plantas medicinais e de produtos nacionais. Com uma linguagem não tão cientifica que permite ao participante ter uma compreensão vasta do assunto.
O seminário contará ainda com a apresentação de trabalhos científicos e com a presença de palestrantes da UNIFESP, UFMG, UFV, UFLA, UFSJ e EPAMIG.
Na universidade se trabalha com diversas linhas de plantas, como do cerrado: pata de vaca, azeitoninha, barbatimão e murici; além das mais conhecidas como: ervas cidreiras, boldo e alecrim.

Leia Também

Imagem principal

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.