sábado, 26 de Abril de 2014 06:47h Atualizado em 26 de Abril de 2014 às 06:50h.

Médicos cubanos chegam a Carmo do Cajuru

Profissionais do “Mais Médicos” ainda não estão atuando, mas já acompanham o funcionamento do sistema de saúde na cidade.

Já estão residindo em Carmo do Cajuru o médicos cubanos, dr. Alexis e La Cruz Perez Silva e dra. Lauradis Laurencio Conde. Estes profissionais foram designados para trabalhar no município por meio do programa “Mais Médicos”. Pelos próximos três anos os dois irão contribuir para o fortalecimento do serviço da atenção básica, em conjunto com todos os outros médicos, enfermeiros e técnicos que já atuam na cidade.
Eles chegaram à cidade essa semana, porém, ainda não estão de fato exercendo suas funções devido à documentação de permissão que vem do Ministério da Saúde. Segundo a secretária de saúde de Carmo do Cajuru, Denise de Menezes Mota, a previsão é de 15 a 20 dias para que os documentos cheguem.
Enquanto isso os profissionais estão aproveitando para conhecer a cidade e o funcionamento dos serviços de saúde do município. “Será apresentado a eles um diagnóstico com todos os nossos serviços de saúde, mas no momento o que estamos fazendo é deixar que esses médicos façam o acompanhamento do trabalho que os nossos profissionais já realizam nas zonas rurais”, complementa Mota.

 

SEM DIFICULDADES
A equipe de saúde de Cajuru tem feito contanto com outras cidades que também estão recebendo médicos cubanos. A intenção é fazer uma troca de experiências para proporcionar um trabalho com o mínimo de dificuldades possíveis, tanto para os médicos quanto para o município. “Fomos a São Gonçalo do Pará porque lá já tem um médico, daí ficamos sabendo que em Sete Lagoas já tinha 17 médicos e agora eles receberam mais doze profissionais. Então fomos até lá conhecer o trabalho que está sendo desenvolvido, foi uma experiência muito valiosa”, acrescenta a secretária de saúde.
Em relação ao processo de adaptação dos médicos com a nova cidade, a secretária diz que eles estão se saindo muito bem. Além disso, estão bastante animados com o novo ambiente. “Já estamos providenciado o aluguel dos apartamentos para o Alexis e para a Lauradis, por enquanto eles estão em um hotel. No que diz respeito ao idioma, estão se empenhando para falar melhor o português, mas ainda assim conseguimos nos comunicar bem”, conclui Mota.

 

MELHORA NA ASSISTÊNCIA
De acordo com dados do Ministério da Saúde o ano de 2013 se encerrou com cerca de 23 milhões de brasileiros sendo atendidos por médicos cubanos. O Programa Mais Médicos faz parte de um amplo pacto de melhoria do atendimento aos usuários do Sistema Único de Saúde, que prevê mais investimentos em infraestrutura dos hospitais e unidades de saúde, além de levar mais médicos para regiões onde há escassez e ausência de profissionais.
A secretaria de saúde de Carmo do Cajuru assinou o termo de adesão ao programa em julho de 2013, mesmo mês em que o projeto foi lançado pelo Governo Federal. Os profissionais do programa recebem bolsa de R$ 10 mil por mês e ajuda de custo pagos pelo Ministério da Saúde. Os municípios ficam responsáveis por garantir alimentação e moradia aos selecionados.

 

Crédito da foto : Prefeitura de Carmo do Cajuru

Leia Também

Imagem principal

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.