terça-feira, 6 de Setembro de 2016 15:27h Pedro Gianelli

Município constrói seis Cmei's e vagas crescem 41%

A educação infantil em Di­vinópolis avançou nos últimos oito anos. A oferta de vagas cresceu 41% com construção de seis novos Centros Mu­nicipal de Educação Infantil (Cmei’s). Atualmente, 5,3 mil estão matriculados nas 39 uni­dades escolares com vagas para educação infantil. Em 2008, estavam matriculados na rede municipal 3,7 mil alunos.

Em Santo Antônio dos Cam­pos, por exemplo, funciona o Cmei José Clementino. No antigo prédio, 114 alunos eram atendidos em um espaço alu­gado, a nova escola tem capa­cidade para 240 alunos. O novo prédio inaugurado em julho do ano passado possui um terreno com área de 3.422 m², sendo 1.211 m² de área construída. A construção do prédio possibi­lita a ampliação de vagas para atender parte da população residente na região Noroeste e zona rural.

Com investimento de R$ 2,1 milhões, com recursos diretos da Prefeitura de Divinópolis e do Fundo Nacional de Desen­volvimento da Educação, foi inaugurado o Cmei Oficina da Criança, do bairro São Roque. Foi possível a aquisição do ter­reno e obras de infraestrutura no local e entorno. O Cmei pos­sui área de 4.185 m², 1.211 m² de área construída e capacidade de atender até 230 crianças.

A construção do prédio possibilitou além do melhor atendimento às crianças ma­triculadas, a ampliação de vagas para atender não só a popula­ção do bairro, mas da região, que abrange os bairros Balne­ário Rancho Alegre, Belo Vale, Dr. Dulphe Pinto de Aguiar, Fábio Notini, Ipiranga, Jardim Bethânia, L.P.Pereira, Núcleo Comercial L.P.Pereira, Orion (São Roque), Sion e Tietê.

A Prefeitura de Divinópolis também inaugurou no ano passado a primeira escola em tempo integral do município no bairro Jardins das Oliveiras. 140 crianças têm aulas interativas, oficinas de teatro, jogos, música e artes plásticas.

De acordo com a secretária Municipal de Educação, Rose­mary Lasmar da Costa, foi um avanço para o ensino infantil. “Sabemos da importância des­ta conquista para as famílias; mas para nós, o que realmente predomina é a alegria de saber que estas crianças estarão rece­bendo educação de qualidade, carinho e segurança em um espaço extraordinário como são as dependências do Cmei Miguel Filho Rodrigues”, pon­tua Rosemary.

Além destes três espaços, o bairro Danilo Passos foi cons­truído o Cmei Isauro Silva e no Candidés funciona o Je­sus Pereira. No bairro Antônio Fonseca foi construído o CMEI Anália Nogueira.

© 2009-2016. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.