terça-feira, 6 de Novembro de 2012 04:48h Luciano Eurides

Nadador divinopolitano marca presença no Campeonato Brasileiro de Natação

O Troféu Maurício Bekenn de Natação reúne atletas de 13 e 14 anos que passaram o feriadão disputando o Campeonato Brasileiro infantil, em Goiânia. A competição terminou neste domingo, com a quebra de recordes muito antigos e nomes promissores para a natação brasileira. O Troféu teve oito novas marcas da competição.

 


Maria Paula Heitmann, do Minas Tênis, superou um recorde bem mais antigo do que ela própria. A atleta de 13 anos fez 59s44 nos 100m livre da categoria infantil 1 e bateu a marca mais antiga da competição, 59s78, que Ângela Tupinambá estabeleceu há 25 anos, em 1987, quando defendia o mesmo clube.

 


O desempenho nos 100m livre deu a Maria Paula o troféu de melhor índice técnico feminino da categoria infantil 1. Ela também levou a taça de mais eficiente entre as mulheres, ou seja, a atleta que mais pontos marcou para o seu clube (44). Ainda na categoria dos mais novos Caio Pumputis, do Pinheiros, foi o mais técnico e o mais eficiente. Ele mereceu o troféu de índice técnico pela prova de 400m medley, 4m54s79, e o de eficiente pela soma de 36 pontos para o clube de São Paulo.

 


O divinopolitano Luiz Henrique Cardoso Araújo participou  e nadou os 100m livre, infantil 1 em 1min02s72, o tempo normal do atleta do Estrela do Oeste Clube é 1min02s00. Assim foram para a final o mineiro Pedro Henrique Martins Teixeira, do Fiat-Minas com cinco paulistas, um sul mato-grossense e um curitibano. Luiz ainda nadou os 200m medley em 2min41s92, a parcial dele foi de 1min16s68, ou seja, ele se recuperou bem na reta final, mas não o suficiente para marcar presença na final.

 


Importante ressaltar que se trata do melhor campeonato de natação do país e um dos melhores do mundo, onde entram na piscina aqueles com melhor índice, portanto a presença de Luiz Henrique Cardoso Araújo é considerada um avanço para a natação local e do interior mineiro. Ele é o único representante da cidade e os tempos considerados espetaculares para a realidade local.

 


A experiência adquirida será importante para o desenvolvimento dele e do treinador Bruno Tavares no direcionamento dos trabalhos a partir desta marca histórica.

Leia Também

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.