quinta-feira, 18 de Fevereiro de 2016 10:52h

Operação tapa buracos é intensificada no Centro e bairro

Continua o trabalho das duas equipes destinadas a operação ‘tapa buracos’ nesta sexta-feira (18/02) próximo a Igreja Nossa Senhora da Guia

Ao todo 14 servidores divididos em duas equipes da Empresa Municipal de Obras Públicas (Emop) e da Secretaria Municipal de Operações Urbanas (Semop) seguem o cronograma de recuperação das vias castigadas pelas chuvas das últimas semanas.

A aplicação média diária e de 32 toneladas de massa asfáltica com 180º de temperatura. A intensificação é realizada na região central e outra percorre os bairros.

No dia 25 de janeiro, logo após o período chuvoso, considerado mais crítico, o prefeito Vladimir Azevedo, coordenou numa reunião com integrantes da Defesa Civil, secretários e assessores. Na oportunidade foi feito um balaço dos estragos e a determinação imediata do prefeito, para o início do trabalho de recuperação das vias.

De acordo com o secretário de Operações Urbanas Dreyfus Rabelo, o serviço que começou no fim de janeiro, já tem a região central quase que concluída. “Iniciamos pelas principais ruas e avenidas que são consideradas como corredor de transporte de massa, como Primeiro de Junho, Goiás, Pernambuco e Getúlio Vargas. Temos também outras ruas importantes de grande movimentação no Centro, como a Paraíba, Antônio Olímpio de Morais, Sete de Setembro e São Paulo”, explicou.

Dreyfus confirmou ainda que alguns bairros já receberam a atenção das equipes. “Vale ressaltar que o asfalto usado é boa resistência e apresenta boa liga e que ajuda a recuperar os estragos. Estivemos no Santos Dumont, São José e no Nações, onde executamos o serviço na rua Bruxelas, que estava muito crítica”, comentou.

O aposentado José Severino, acompanhou de perto a recomposição na rua Sergipe, próximo a igreja Nossa Senhora da Guia. “Está ficando muito bom, porque com buraco na pista é ruim para o motorista e até para a gente que anda, pois pode ter um acidente”, afirmou.

Já comerciante Vander Pinto, disse que a população esperava esta operação. “A gente sabe que teve um período forte de muita chuva e isto impede de fazer este trabalho. Está muito bom”, destacou.

Vias que servem como corredores de acesso aos bairros também foram atendidas, como avenida Paraná no São José; Airton Senna no Dona Quita e Santa Rosa e Bom Sucesso que passa por alguns bairros, na saída para Carmo do Cajuru. Além da Gabriel Passos e Brigadeiro Cabral, que compreende do Porto Velho ao Aeroporto.

De acordo com o roteiro, a partir da próxima semana, as equipes iniciarão a recuperação de vias de outros bairros, como as ruas Lagoa da Prata e Brasília no Belvedere e Realengo. O bairro Candelária Também tem previsão de atendimento nos próximos dias.

© 2009-2016. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.