terça-feira, 1 de Dezembro de 2015 08:35h Atualizado em 1 de Dezembro de 2015 às 08:37h. Mariana Gonçalves

Paróquia do Esplanada promove novena em celebração a Imaculada Conceição

A Paróquia da Imaculada Conceição, localizada no Bairro Esplanada – Rua Sion esquina com Rua Vital Brasil, realiza, até o dia 8 de dezembro, novena em celebração a sua padroeira

Às 18h, será o ofício de Nossa Senhora Imaculada Conceição, às 19h, recitação do terço. Às 19h30, Santa Missa, celebrada pelo Frei Adílson Corrêa da Silva, participação do coral “Em cantar com Cristo”. Convidados: Conselho Particular Nossa Senhora Aparecida, Conselho Particular São João Batista, Conselho Particular Nossa Senhora das Dores, Moradores das Ruas Engenheiro Benjamim de Oliveira, Sion e José Natividade.
Responsáveis: Pastoral Familiar, Coroinhas, Terço dos Homens, Legião de Maria e Cursilho de Cristandade.
Conforme conta a coordenadora das servas e voluntárias nas atividades da Igreja, Maria Marcos Rodrigues, a festa da padroeira conta, principalmente, com os esforços do pároco Frei Ronaldo Zwinkels. Segundo Maria, o frei se empenha ao máximo, para que, junto da comunidade, a cada ano, a Festa da Imaculada Conceição seja ainda melhor.
“Convidamos a todos os fieis, toda a nossa comunidade e pessoas de outras comunidades para que venham prestigiar Nossa Senhora Imaculada Conceição, participem da novena. Vamos recebê-los com o maior carinho”, diz a coordenadora das servas.

 

NOVENA

A abertura da novena ocorreu na noite do último domingo (29). “Foi uma missa muito bonita, os soldados do Corpo de Bombeiros entraram com a Nossa Senhora no andor, e com mais trinta bombeiros sênior, foi uma homenagem muito bonita, todo mundo ficou bastante emocionado. Depois da missa, tivemos as barraquinhas, a Igreja estava super lotada, graças a Deus. Percebemos que vale a pena a gente fazer todo um esforço para termos uma festa bonita e recebermos as pessoas”, afirma Maria.
Cada dia a celebração da novena ficará a cargo de um padre diferente, para a celebração do dia 7, será o Bispo diocesano Dom José Carlos de Sousa.
O programa completo da Festa poderá ser adquirido na secretaria da paróquia, no Esplanada.

 

DIA FESTIVO

O ápice das comemorações em honraria à padroeira será mesmo no dia 8, de acordo com a coordenadora das servas, para essa data haverão horários especiais de missa. “Ás 6h, teremos a Alvorada, com a Banda Santa Cecília e Queima de Fogos, às 7h, Santa Missa com o Frei Ronaldo Zwinkels – coral Gabriel, responsável – Liturgia.
Às 9h, Santa Missa e Consagração à Nossa Senhora para crianças e adultos, celebrante: Frei Francisco Duarte Júnior. Coral – Cigarrinhas de Deus, responsável – Liturgia.
Às 11h, Recitação do Terço, responsável: Liturgia. Ao meio dia, Ofício de Nossa Senhora Imaculada Conceição, responsável: liturgia, queima de fogos. Às 15h, Santa Missa e Consagração à Nossa Senhora para crianças e adultos. Celebrante Frei: Erotides Antônio de Melo, coral- Grupo de Canto São Gabriel. Responsável: liturgia.
Às 18h, está programada a Consagração à Nossa Senhora para Crianças e adultos. Às 18h30, procissão luminosa, e às 19h30, missa solene de encerramento, celebrante: Frei Ronaldo Zwinkles. Coral – Ministério de Música da Imaculada Conceição, responsável- Liturgia.
As barraquinhas acontecem nos dias 6, 7 e 8 – logo após o término das celebrações (exceto no dia 8, pois as barraquinhas começam a partir das 6h).

 

IMACULADA CONCEIÇÃO

A comunidade Imaculada Conceição foi fundada no bairro Esplanada, em Divinópolis, em 1928. Imaculada Conceição de Maria significa que a Virgem Maria foi preservada do pecado original desde o primeiro instante de sua existência. O dogma de Nossa Senhora foi proclamado pelo Papa Pio IX, em 1854, resultado da devoção popular aliada a intervenções papais e infindáveis debates teológicos.
No Brasil, existem 533 paróquias dedicadas à Virgem Imaculada. O culto à Imaculada Conceição, no Brasil, teve início na Bahia, quando Tomé de Souza chegou a Salvador trazendo uma escultura da santa. Ela foi protetora do país no período colonial e foi proclamada Padroeira do Império Brasileiro por D.Pedro I. Já no despontar do século XX, o título cedeu lugar a Nossa Senhora de Aparecida, que é uma antiga imagem da Imaculada Conceição, encontrada nas águas do rio Paraíba do Sul.
O dia da festa da Imaculada Conceição foi definido em 1476, pelo Papa Sisto IV. A existência da festa era um forte indício da crença da Igreja na Imaculada Conceição, mesmo antes da definição do dogma no século XIX.
No dia 8 de dezembro de 1854, dia da festa, o Papa Pio IX, com a Bula (documento papal), intitulada Deus Inefável (Ineffabilis Deus), definiu oficialmente o dogma da Santa e Imaculada Concepção de Maria.


Créditos: Mariana Gonçalves

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.