sexta-feira, 5 de Outubro de 2012 11:56h Erik Ulysses

Polícias Militar e Federal divulgam ações que serão realizadas no dia das eleições

No próximo domingo, dia 07 de outubro, ocorrem nas cidades de todo o Brasil as eleições para prefeitos e vereadores. No dia das eleições e nos outros que o cercam algumas medidas são tomadas para a segurança dos eleitores, candidatos e para garantir que as eleições ocorram de forma transparente e democrática.

 


Na última terça-feira, dia 02, entrou em vigor o artigo 236 do Código eleitoral no qual diz que nenhum eleitor poderá ser preso ou detido, salvo em flagrante delito, ou em virtude de sentença criminal condenatória por crime inafiançável, ou, ainda, por desrespeito a salvo-conduto. Tal artigo vigora até 48 horas após o dia da eleição.

 

No dia 07 a Polícia Militar estará com suas atenções principais voltadas para as eleições. De acordo com o comunicado divulgado pela PM, o 23º BPM está acompanhando todo o processo eleitoral com o objetivo de assegura a preservação da ordem e tranqüilidade pública no período, através de ações e operações de polícia ostensiva durante a realização de eventos públicos relacionados ao pleito eleitoral.
No momento em que as urnas estiverem sendo levadas para as seções eleitorais a PM fará a escolta das mesmas. Também será feito um reforço no policiamento nas proximidades dos locais de votação. De acordo com a PM o policiamento será feito prioritariamente a pé, sendo reforçado pelo rádiopatrulhamento, visando garantir a tranqüilidade dos eleitores em todas as zonas eleitorais.

 

De acordo com o comandante do 23º BPM, tenente coronel Júlio Teodoro, o planejamento para o dia das eleições já vem sendo planejado e que todo o efetivo da cidade será empregado no policiamento das zonas eleitorais. “O trabalho, o planejamento, para as eleições do dia 7 de outubro já vem sendo feito há vários dias. É uma demanda que exige o empenho total da Polícia Militar, no caso especifico do 23º BPM. Os policiais militares que estão de férias, essas férias serão caçadas, os policiais militares que trabalham na atividade administrativa serão empenhados. Enfim, a um esforço muito grande e contamos com a participação de todos para que esse pleito ocorra de uma forma tranquila” garantiu o comandante. A PM assegura ainda que todos os policiais militares empregados no dia estarão aptos a orientar e assistir a população em casos de urgência ou emergência.

 

Também vale destacar que no período de 06 horas até as 18 horas fica proibida a venda e distribuição de bebidas alcoólicas. A PM irá agir também nos casos em que forem configurados crimes eleitorais.
A Polícia Militar orienta ainda que cada eleitor se desloque de forma tranquila até sua seção eleitoral, exerça o seu voto e volte para a sua residência, respeitando as regras do processo eleitoral conforme as normas do TRE.

 

Polícia Federal

 

A Polícia Federal abriu ontem a Operação Eleições Municipais 2012. Todo o efetivo da PF em Divinópolis está direcionado para atuar na fiscalização e cumprimento da legislação eleitoral.

 

A PF informa ainda que a partir de sábado, equipes de agentes percorrerão comitês e seções eleitorais para coibir as propagandas irregulares, descarte de panfletos, bem como outros crimes eleitorais. No dia da eleição, 07 de outubro, antes e durante o período de votação agentes à paisana se infiltrarão em seções eleitorais para combater os crimes eleitorais, principalmente a “boca de urna” e o transporte irregular de eleitores.

 


Todos as ocorrências relacionadas às eleições serão encaminhadas para a Delegacia da Polícia Federal em Divinópolis, bem como as pessoas que possam vir a serem presas. A operação será realizada em parceria com a Polícia Militar e com a Polícia Civil.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.