quinta-feira, 3 de Dezembro de 2015 10:55h

Prefeito assina ordem de serviço para reforma da sede do Samu

O Prefeito de Divinópolis e presidente do Consórcio Intermunicipal de Saúde e Urgência (Cis-Urg), Vladimir Azevedo, assinou na manhã desta quinta-feira (03/12)

O Prefeito de Divinópolis e presidente do Consórcio Intermunicipal de Saúde e Urgência (Cis-Urg), Vladimir Azevedo, assinou na manhã desta quinta-feira (03/12), a ordem de serviço para a reforma da sede administrativa do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Também assinou a homologação do concurso dos futuros servidores da unidade.  488 pessoas passaram no processo seletivo e serão chamados conforme a demanda. A solenidade foi realizada no local onde futuramente se instalará o Samu, na Praça Pedro X. Gontijo 550, Centro (antigo Pronto-Socorro).

O secretário municipal de Saúde da cidade de Formiga, Gonçalo Faria, afirma que o Samu oferecerá aos municípios assistência de primeira qualidade. “Assim garantimos ao cidadão um serviço que será prestado com rapidez e eficiência”, afirmou Gonçalo.

Para o secretário municipal de Saúde, David Maia, a homologação do concurso e a reforma do prédio para funcionamento da Central de Regulação sinaliza ao Governo do Estado que o Cis-Urg e os municípios estão prontos para receber o Samu. “A expectativa foi plantada, segundo o Governo do Estado a nossa região é a que está mais bem preparada, já fizemos o concurso, 488 selecionados pela Universidade Federal de São João Del Rei, os 54 municípios que fazem parte do consórcio já aportaram recursos para a execução da reforma, com previsão de conclusão em 45 dias. A partir daí estaremos prontos com a caneta na mão para dar abertura”, comentou David.

O secretário executivo do Samu, José Marcio Zanardi, explica que o Samu vai além da ambulância. “Teremos uma Central de Regulação que regula o paciente. Quando a pessoa ligar no 192 terá uma pessoa preparada para passar as instruções e um médico que vai empenhar uma equipe  para ir ao local e levar a pessoa para hospital. Assim o cidadão receberá o melhor atendimento e será encaminhado para onde o seu problema será resolvido”, pontua o secretário.

O vice-prefeito, Rodrigo Resende, ressalta que a chegada do Samu será um grande ganho para a saúde de toda região. “Viemos homologar o concurso realizado para contratação da equipe que irá trabalhar no Samu e assinar a ordem de serviço para a reforma. Sabemos de como será importante esse serviço na região, de como o primeiro socorro faz diferença  em salvar a vida das pessoas”, confirma Rodrigo.

O Prefeito de Divinópolis explicou como funcionará o atendimento. “Hoje demos um passo importante que é destinar esse espaço para ser a sede da central de regulação, ou seja, qualquer pessoa que ligar no 192 quando começar a rodar o Samu vai cair aqui. A central distribuirá para qual ambulância e para qual hospital a pessoa deve ser levada. A reforma será paga pelo consórcio e custará R$ 255 mil”, disse Vladimir.

Ainda segundo o prefeito, a reforma em conjunto com a homologação do concurso deixa o Centro-Oeste na frente para receber do Governo do Estado a nova sede do Samu. “Assim que for assinado com o Estado já nomearemos as pessoas para o treinamento, para que ao cheguar as ambulâncias e equipamentos esteja tudo pronto para o funcionamento”, afirmou.

Cidades

Além de Divinópolis, outras 53 cidades fazem parte do Consórcio Intermunicipal de Saúde e Urgência: Bom Despacho, Dores do Indaiá, Estrela do Indaiá, Luz, Martinho Campos, Moema, Serra da Saudade, Araújos, Arcos, Carmo do Cajuru, Cláudio, Itapecerica, Já-paraíba, Lagoa da  Prata, Pedra do Indaiá, Perdigão, Santo Antônio do Monte, São Gonçalo do Pará, São Sebastião do Oeste, Bambuí, Córrego Dantas, Córrego Fundo, Formiga, Iguatama, Medeiros, Pains, Pimenta, Tapiraí, Itaguara, Itatiaiuçu, Itaúna, Piracema, Conceição do Pará, Igaratinga, Leandro Ferreira, Nova Serrana, Onça de Pitangui, Pará de Minas, Pitangui, São José da Varginha, Aguanil, Camacho, Campo Belo, Cana Verde, Candeias, Carmo da Mata, Carmópolis de Minas, Cristais, Oliveira, Passa Tempo, Santana do Jacaré, Santo Antônio do Amparo, São Francisco de Paula

Hospitais:
Serão 18 cidades terão hospitais fazendo parte da Retaguarda Hospitalar da Rede de Urgência e Emergência. São elas:

 

Nível I

Divinópolis
Campo Belo
Formiga


Nível II

Formiga
Campo Belo
Pará de Minas
Itaúna
Oliveira

 

Nível III

Bom Despacho
Luz
Santo Antonio do Monte
Lagoa da Prata
Santo Antonio do Amparo

 

Nível IV

Dores do Indaiá
Bambuí
Iguatama
Itaguara
Itapecerica
Passa Tempo
Pitangui

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.