segunda-feira, 4 de Julho de 2016 13:01h Prefeitura de Divinópolis

Prefeito participa de preparatória para maior evento de sustentabilidade do Brasil

O prefeito de Divinópolis e vice-presidente da Frente Nacional de Prefeitos (FNP), Vladimir Azevedo, participou, em Belo Horizonte, dos preparativos para o IV Encontro dos Municípios com o Desenvolvimento Sustentável (EMDS)

O encontro foi no último fim de semana e tem como objetivo dar coordenadas e tomar decisões sobre a organização do maior evento sobre sustentabilidade urbana do Brasil. O prefeito da capital mineira, Marcio Lacerda, e o presidente da FNP e prefeito de Aparecida de Goiânia/GO, Maguito Vilela, também estiveram presentes.

Além dos prefeitos que participaram da reunião, a coordenação política do IV EMDS é composta pelos prefeitos de Canoas/RS, Jairo Jorge, vice-presidente de Reforma Federativa; Três Rios/RJ, Vinícius Farah, vice-presidente de Desenvolvimento Econômico; e Guarujá/SP, Maria Antonieta, vice-presidente de Finanças Públicas.

 

 

O IV EMDS acontece no Estádio Nacional Mané Garrincha, em Brasília/DF, de 24 a 28 de abril de 2017. Temas como macrozoneamento de ocupação do estádio, calendário de agendas preparatórias e de organização, orçamento e formas de captação, além de metodologias estiveram na pauta da reunião.

Os prefeitos dividiram-se em subcomissões temáticas para coordenar os trabalhos da Comissão Organizadora. "Será mais efetivo se cada prefeito cuidar de um item, e estivermos alinhados nos encaminhamentos maiores", disse o prefeito Vladimir Azevedo.

 

 

O IV EMDS terá como subtema "Reinventar o financiamento das cidades" e será desdobrado em eixos temáticos. "O temário do evento tem de estar muito alinhado com a vida e os problemas dos municípios", salientou Vilela.

Pela segunda vez, o IV EMDS promoverá feira com empresas que apresentam soluções para os problemas das cidades.

© 2009-2016. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.