terça-feira, 6 de Novembro de 2012 05:00h Carla Mariela

Presidente da AMM participa de Congresso dos novos gestores municipais

A cidade de Araxá sediou ontem e hoje, no Grande Hotel, um seminário sobre a nova gestão municipal à partir de 2013. O principal intuito desse encontro é fazer com que os novos prefeitos e aqueles que foram reeleitos, entendam como funciona a administração municipal para que saiba realizar as aplicações de investimentos de forma correta e conduzir as prefeituras de maneira que ao chegar ao final de seus mandatos, não tenham dificuldade de entregar as contas em dia.

 


De acordo com o presidente da Associação dos Municípios Mineiros (AMM) e prefeito de São Gonçalo do Pará, Ângelo Roncalli, o Congresso de novos gestores, foi realizado com o apoio da Associação Mineira.

 


“Esse seminário, na verdade é um congresso de novos gestores eleitos, que é promovido pela CNM Confederação Nacional dos Municípios, com o apoio da Associação dos Municípios Mineiros (AMM). O objetivo é fazer com que os novos gestores, os que já passaram pelas prefeituras e os que irão assumir pela 1ª vez, cerca de 300 novos prefeitos, tenham a oportunidade de conhecer quais são as obrigações, quais os desafios, sobre a importância da escolha dos secretariados, a importância da administração, sobre as crises e conquistas municipalistas”, relatou.

 


Esse Congresso foca o subfinanciamento dos programas e dos convênios federais. Ele alerta para que os gestores locais, sem descuidar do que determinam as leis, busquem soluções próprias e sustentáveis. O destaque para as competências dos municípios e a necessidade de se mobilizar por um pacto federativo mais justo recebem a devida atenção nas apresentações.

 


No evento, os participantes presentes terão a oportunidade também de conhecer a AMM, através de um painel, que será apresentado por, Ângelo Roncalli, durante o encontro no Grande Hotel.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.