quarta-feira, 28 de Outubro de 2015 08:55h Atualizado em 28 de Outubro de 2015 às 09:02h. Rafael Camargos

Secretaria Municipal de Agronegócio realiza evento focado na Agricultura Familiar

Com o tema ‘Responsabilidade técnica e boas práticas de fabricação na Agricultura Familiar’, o evento ocorreu nessa terça-feira, com foco na agricultura familiar da região

A Prefeitura de Divinópolis, através da Secretaria Municipal de Agronegócios, realizou na sede da Associação Municípios Micro Região Vale do Itapecerica (AMVI), na manhã dessa terça feira, o curso ‘Responsabilidade técnica e boas práticas de fabricação na Agricultura Familiar’.

No evento, estavam presentes o Prefeito Vladimir Azevedo, o Vice-prefeito Rodrigo Rezende e o Secretário de Agronegócio, Paulo Marius. E falaram sobre a importância do trabalhador rural para o município.

Voltado para produtores da agricultura familiar, o evento visava informar e qualificar os trabalhadores rurais, para eles serem os próprios responsáveis técnicos em seu negócio. Divinópolis conta hoje com mais de 150 profissionais neste seguimento.

Luciana Drosghic, que é esposa de um produtor rural do município, esteve presente no curso, e contou que acompanha todo o processo de produção ao lado do marido, ela ainda destaca o valor do curso para os agricultores. “É de suma importância, porque você aprende desde uma higienização básica, até manipular os alimentos”, diz Luciana.

O Secretário de Agronegócio, Paulo Marius, falou que a finalidade do evento é treinar os produtores rurais da agricultura familiar. “Nós vamos dar treinamento, acompanhamento, cartilhas para boas práticas de fabricação, higiene pessoal, higiene de alimentos, ou seja, manipulação correta dos alimentos, para que eles sejam os responsáveis técnicos no dia-a-dia, através das nossas fiscalizações, visitas técnicas, acompanhando e embasando tudo isso para que o produto saia com qualidade e chegue à mesa do consumidor” diz Paulo.

De acordo com Michelle Pereira do Carmo, o serviço de inspeção municipal é um órgão de fiscalização que visa orientar os produtores de agricultura familiar. “Hoje, especificamente sobre boas práticas de fabricação, até porque eles terão agora a possibilidade de serem os próprios responsáveis técnicos dos seus estabelecimentos, o que traz mais responsabilidade para eles, e também mais financeira, então eles teriam que gastar menos com responsáveis técnicos, mas vem junto disso, a responsabilidade da qualidade do alimento que eles têm que ter, por isso essa orientação”, conclui Michelle.

Já o Prefeito Vladimir Azevedo, destaca a história da agricultura familiar no município, desde a criação da lei geral da microempresa, até projetos que recebem alimentos produzidos por estes agricultores, como lares e asilos, gerando assim uma troca positiva entre os agricultores e as instituições. “O alimento para entidades que precisam, e gerando renda e riqueza para o homem do campo” frisa.
Ele ainda fala sobre a capacitação que o curso oferece para esses profissionais, focando o profissionalismo desses indivíduos. “É claro que cada vez mais, o profissionalismo é fundamental, para você aumentar capacidade de produção, gerir bem os insumos, fazer uma boa gestão de custos, ter visão de mercado, a palavra nesse caso é qualificação, o que nós fazemos hoje”, finaliza o Prefeito.

 

 

O CURSO

Com um número de vagas limitadas, foram desenvolvidas no evento as seguintes atividades: entreposto de pescado, entreposto de mel, entreposto cárneo (finalização de aves abatidas em outros estabelecimentos), queijarias e fábricas de polpas de frutas.

O início foi às 8:30h, contou com palestras das Médicas Veterinárias do SIM Divinópolis, Kelleyn Ribeiro e Liliane Dane Dias, que falaram sobre Responsabilidade Técnica, Manual de Boas Práticas e Higiene Pessoal.
Já na parte da tarde, após o almoço, Fabiola Dias ministrou uma palestra sobre Boas práticas na produção e PPHO, logo em seguida, a Coordenadora da Vigilância Sanitária de Divinópolis, Andréia Nalzira, mostrou as ações da VISA na Agricultura Familiar, com foco para os produtos e o comércio.
Para encerrar, o Médico Veterinário, Wili Lacerda, contou um pouco aos presentes sobre análises laboratoriais, controle de pragas e manutenção de equipamentos.
O encerramento ficou a cargo do Diretor do SIM Divinópolis, Moises Soares.

 

 

DECRETO MUNICIPAL

De acordo com o Decreto Municipal 11.939/2.015, sancionado pelo Prefeito Vladimir Azevedo, os produtores da Agricultura Familiar têm a possibilidade de realizar a responsabilidade técnica dos próprios estabelecimentos.
Porém, a confecção de Manuais de Boas Práticas, POPs e planilhas, sugerem uma ação inicial de profissionais capacitados, para a posterior ação de manutenção pelos próprios produtores.


Créditos: Rafael Camargos
Créditos: Juliano Vilela

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.