quinta-feira, 5 de Novembro de 2015 10:03h Atualizado em 5 de Novembro de 2015 às 10:04h. Rafael Camargos

Sind-UTE/MG Divinópolis realiza eleições para formação de nova equipe

Em chapa única, as eleições acontecerão em todo estado, e em Divinópolis, as urnas estarão disponíveis para votação nas escolas estaduais da cidade

O Sindicato Único dos Trabalhadores em Educação de Minas Gerais (Sind-UTE/MG) realiza entre os dias 9 e 13 de novembro mais uma eleição para escolher seus representantes para os próximos três anos.
Para a eleição deste ano, foi formada apenas uma chapa em todo estado, com o slogan “Quem luta, educa e conquista”, o objetivo da chapa é continuar buscando melhorias para a classe, como autonomia e dinâmica de trabalho e respeito.

A Presidente da Comissão do Sind-UTE, Maria Marta Moreira, explicou que as eleições vão ocorrer em todo estado de Minas Gerais. “A eleição do Sind-UTE de Belo Horizonte é a geral, em todo estado, a eleição que é da subsede, a nossa, aqui em Divinópolis”, ela conta também que o sindicato irá eleger os conselheiros gerais “a gente elege também os conselheiros gerais, que participam de todo processo do trabalho do Sind-UTE”. As eleições tanto para eleger a nova chapa, quanto para eleger os conselheiros, irão acontecer no mesmo dia. “Ao colher os votos das chapas estadual e subsede, é colhido também os votos dos conselheiros”, finaliza Maria Marta.

As urnas de votação irão percorrer todas as escolas estaduais da cidade, e para participar da votação, o professor deve estar regularizado com o sindicato. Na hora da votação, os profissionais também devem apresentar um documento com foto.

BALANÇO

A Diretora de Políticas Sociais e Imprensa do Sindicato Único dos Trabalhadores em Educação de Minas Gerais (Sind-UTE/MG), Maria Catarina D. Vale, faz um balanço de tudo que aconteceu com Sind-UTE/MG nos últimos anos e acredita que, apesar das dificuldades e falhas, eles conseguiram fazer uma gestão positiva, tendo em vista que as demandas do setor da educação, que não é um setor muito fácil. “Através do departamento de políticas sociais, nós viabilizamos todas as ações de mobilização junto aos movimentos sociais”, ela ainda relata que, historicamente, nesta gestão que está sendo reeleita, eles nunca tiveram uma gestão estadual com tamanha competência, de estratégia política e social, e relembra a greve que eles passaram em 2011.
Em junho de 2015, os professores reconquistaram o direito ao piso salarial, para Maria Catarina D. Vale, essa foi uma das maiores conquistas para a classe, “hoje, a categoria volta a receber vencimento básico, a categoria está andando na sua carreira”, Maria ainda contou que, no mês de setembro, começaram as implementações do novo modelo, “No mês de setembro, ela começou a implementar a escolaridade, ou seja, se a pessoa tem o seu diploma de doutorado, ela vai ser encaixada na carreira dentro de nível, tempo de serviço, uma série de coisas que a educação ficou 12 anos congelada, por isso e por muitas outras coisas, merecemos que as pessoas votem, acreditem” finaliza.

 

Veja a listagem dos conselheiros da subsede em Divinópolis á serem votados:
Agda Cecília Lima
Alzira Maria de Castro
Edna Aprecida Pinto de Oliveira
Edson Geraldo Epifanio
Eli Geraldo dos Santos Filho
Francisco Ribeiro de Oliveira Andrade
Ione de Araújo Maia
Júlio Cezar da Silva
Karina de Abreu Araújo
Maria Catarina Labore Domingues Vale
Maria Lúcia de Sousa Moura
Nixon Cordeiro de Andrade
Romilda Aparecida Gonçalves Gossi
Rosália Aparecida Rocha Rabelo
Wyllya Alves de Lima Alencar

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.