sexta-feira, 27 de Fevereiro de 2015 13:20h

Unidades de Saúde de Divinópolis farão o cadastro vacinal de seus usuários

Meta do Ministério da Saúde é ter todo sistema on line

A Secretaria Municipal de Saúde de Divinópolis (Semusa) dá os primeiros passos para implantar o Sistema de Informação do Programa Nacional de Imunização, o SIPNI. Esse novo sistema visa substituir a forma de cadastro dos usuários que é feita, atualmente, de forma manual (via cartão de vacina) para o digital.

“Toda pessoa que chegar a unidade de saúde será cadastrada no sistema e serão lançadas as doses de vacinas que foram feitas naquele dia e o agendamento das doses futuras. Tudo gerenciado por um programa de computador”, explica a referência técnica em imunização da Semusa, Marcela Machado.

A proposta do Ministério da Saúde é a médio e longo prazo disponibilizar este novo sistema de forma on line. Assim, quando todo o sistema estiver em operação, será criado o Cadastro Nacional de Vacinados.

“A pessoa vacinando aqui ou em outro estado o cadastro dela estará na internet e qualquer unidade de saúde do Brasil poderá acessar o cartão de vacina do usuário em questão. Pelo programa será possível verificar quais vacinas foram feitas e o que está pendente”, pontua Marcela.

Esse novo sistema vai facilitar o controle da vacinação e, ao mesmo tempo, vai contribuir para evitar que se administre dose fora do intervalo ideal. “Muitas vezes a gente reinicia um esquema de determinada vacina porque não há comprovante de vacinação para análise da situação vacinal. O novo sistema vai corrigir este tipo de situação”, conclui a referência técnica.

Em Divinópolis quatro unidades de saúde – Afonso Pena, Central, Oswaldo Machado e Serra Verde – serão as unidades pilotos deste novo programa. Durante o mês de março as unidades serão capacitadas e a partir do mês de abril passam a fazer o cadastro vacinal de seus usuários neste programa. Nesta fase, o sistema ainda não será interligado.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.