segunda-feira, 19 de Outubro de 2015 08:48h Atualizado em 19 de Outubro de 2015 às 08:51h. Thais Fernandes

Vinte leitos da UTI do Hospital São João de Deus serão reativados até novembro

A Secretaria de Estado de Saúde repassará verba para que 20 leitos de Unidade de Terapia Intensiva adulto sejam reativados

Os vinte leitos de UTI adulto do Hospital São João de Deus serão reativados, devido a um aporte financeiro repassado pela Secretaria de Estado de Saúde (SES). O repasse de verba foi autorizado no último dia 8, e segundo nota, o serviço tem data prevista para voltar a funcionar no dia 11 de novembro.
Em fevereiro deste ano, por causa de dívidas deixadas pela gestão anterior, os 20 leitos de UTI tiveram o serviço suspenso. Desde então, a Secretaria de Estado de Saúde, em diálogo com os gestores locais, tenta reativar os leitos, uma vez que a demanda de leitos de UTI na região tem aumentado.
A SES dará um aporte mensal de R$ 1,4 milhão, cerca de R$ 17 milhões no ano. A primeira parcela do valor será repassada ao município em novembro, quando os leitos voltarem a funcionar. A verba, além de reativar os leitos da UTI, será usada na ampliação do acesso a internações de urgência e emergência, com a ativação da sala vermelha, beneficiando mais de 1milhão de habitantes do Oeste mineiro, segundo informação repassada pelo secretário de Estado de Saúde, Fausto Pereira, em nota.
Com relação às internações, as vagas destinadas são, exclusivamente, em caráter de urgência e emergência, com prioridade à cardiologia, ortopedia e neurologia de alta complexidade.
A ocupação e todas as internações dos leitos reativados serão reguladas pela Central de Regulação macro Oeste – SES/MG.
O repasse de recursos pela SES terá a assinatura de um termo que soma ao instrumento de repasse já existente entre a Secretaria Municipal de Saúde de Divinópolis (Semusa) e o Hospital São João de Deus, atualizando a parceria entre Estado e município. A Semusa deverá manter um gestor de contrato que atue junto com o HSJD e SES.
A parceria será concretizada somente quando a Semusa encaminhar à Diretoria de Informações em Saúde da SES/MG um Relatório Circunstanciado que comprove o pagamento ao prestador de serviços, em até 30 dias após o repasse do recurso, sob pena de bloqueio das demais parcelas. Após a confirmação da primeira parcela, as demais serão repassadas trimestralmente, também sendo necessária a prestação de contas.
A gerente de serviços de saúde da Superintendência Regional de Saúde de Divinópolis, Gláucia Sbampato Pereira, comentou que a reativação dos leitos irá auxiliar muito na questão de leitos disponíveis na região. “A reativação dos leitos da UTI adulto do Hospital São João de Deus irá auxiliar não só com a diminuição de demanda para a Unidade de Pronto Atendimento de Divinópolis, como melhora no atendimento de Tratamento Intensivo da região”.
A assessoria do HSJD, durante contato informal com nossa reportagem, informou que está realizando melhorias e adequações para a reativação dos leitos.
Sobre o hospital
Segundo dados, o Hospital São João de Deus possui 381 leitos totais, com 245 destinados ao SUS e destes, 10 são de UTI para adultos, seis de UTI neonatal e dois de UTI pediátrica.
O hospital é hoje o único da região com capacidade operacional e habilitações para a realização de procedimentos de alta complexidade em oncologia, cardiologia, ortopedia, neurologia e terapia renal substitutiva.

 

Créditos: Thais Fernandes

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.