sábado, 17 de Janeiro de 2015 04:35h

Vladimir Azevedo assume a vice-presidência da AMVI

O prefeito Vladimir Azevedo participou nesta quinta-feira (15) da reunião que escolheu a nova diretoria da Associação dos Municípios da Micro Região do Vale do Itapecerica (AMVI)

O novo presidente da entidade e prefeito de Iguatama, Leonardo Carvalho Muniz, assume a entidade pela primeira vez. Vladimir Azevedo, que dirigiu já dirigiu a AMVI, volta à diretoria como vice-presidente.
Vladimir destacou que a AMVI é uma instituição importante para o desenvolvimento da região centro oeste, tradicional e atuante desde a década de setenta. “Tivemos uma revitalização da entidade, hoje com a participação de 19 cidades e pedidos de Itatiaiuçu e de Medeiros. E a chegada do presidente Leo, faz um ciclo de renovação, mas acima de tudo com um clima de união e soma”,
Um dos objetivos da nova equipe, será a estruturação do SAMU por meio do Consórcio de Urgência e Emergência. “Temos um desafio, fazer com que as prefeituras associadas participem mais e sejam mais atuantes. Temos que nos unir em qualquer situação e ainda mais neste momento de crise financeira que todos os municípios vivem”, avaliou o novo presidente.
O presidente Leonardo destacou ainda que a experiência de Vladimir será fundamental para o trabalho nos próximos meses. “O Vladimir é ouvido e tem força como presidente da Frente Mineira de Prefeitos e dirige a cidade, que para nós é referencia. O seu trabalho a frente da AMVI foi importante, deu uma cara nova com a reforma, novo mobiliário e o novo auditório”, finalizou.
Dezenove cidades fazem parte da Associação. O prefeito de Pedra do Indaiá, Claudio Gonçalves Coelho, que deixou a presidência, assumiu o cargo de diretor administrativo. “Foi um 2014 atípico, com eleições e copa do mundo, mas apesar do pouco tempo procuramos conscientizar alguns municípios sobre a importância da AMVI”, destacou.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.