quinta-feira, 5 de Abril de 2012 17:41h Atualizado em 6 de Abril de 2012 às 07:38h. Luciano Eurides

América e Ipatinga fazem jogo de volta pela Copa do Brasil

América e Ipatinga entraram em campo na noite de quarta-feira pela 2ª fase da Copa do Brasil. O Ipatinga recebeu o Grêmio, e acabou derrotado por 1x0, gol de Léo Gago aos 28 minutos do segundo tempo. Mesmo com o revés, o Ipatinga assegurou o direito de disputar a partida de volta, que acontecerá dia 11, às 19h30 no Olímpico. Já o América recebeu o Goiás na Arena do Jacaré. O empate em 0x0 também levou a decisão para o segundo jogo, que será na próxima quarta as 21h50 no Serra Dourada.
O técnico Givanildo Oliveira não ficou satisfeito com o empate sem gols, na Arena do Jacaré, com o Goiás. Ele queria a vitória. Mas admitiu que o resultado não chega a ser um desastre, justamente pela característica da competição. “Bom o resultado não foi, mas de todo ruim também não foi. Se eu dizer que foi ruim estarei mentindo, porque depois do jogo contra o Boavista disse que o empate não tinha sido bom pra gente, agora a situação inverteu, se a gente chegar lá e fizer o gol, saímos com a classificação”.
Ginvanildo não gostou mesmo foi da falta de criatividade no meio. “Hoje faltou mais jogadas, criamos pouco, o Kaio e Rodriguinho não jogaram”.  Embora não goste de analisar individualmente seus jogadores, o treinador elogiou a volta do volante Dudu. “O Dudu não teve pré-temporada. Ele se machucou e ficou muito tempo tratando. Agora era o momento dele e ele voltou muito bem. Conseguimos conter o ataque do time deles. E se coloquei o Dudu é porque sabia da qualidade do atleta. Também sabia que ele não agüentaria todo o jogo. Por isso esperei para fazer a terceira substituição. Se eu trocasse, como alguns torcedores queriam, terminaríamos o jogo dez em campo”.
Os jogadores se reapresentaram ontem, iniciando os preparativos para o jogo contra o Uberaba, no Triângulo Mineiro. O zagueiro Gabriel, suspensão, é a baixa da equipe. Mas o grupo ganha novamente o volante Moisés.
O lateral-esquerdo Bruninho fez a sua melhor partida com a camisa do Ipatinga na noite desta quarta-feira, diante do Grêmio, pela 2ª fase da Copa do Brasil. O jogador do Tigre ganhou todas em cima do lateral Gabriel, do time gaúcho, e foi eleito por uma rádio local como o melhor em campo. Bruninho, porém, trocaria a boa atuação pela vitória.
“Deus me abençoou nesta noite e pude fazer um grande jogo. Teria sido melhor se eu tivesse atuado bem e o time vencido. Trabalho muito para corresponder dentro de campo, mas infelizmente demos um vacilo e eles aproveitaram para marcar. Mas todos estão de parabéns e nada está perdido. Temos 90 minutos para reverter essa situação”, declarou Bruninho.
Com a derrota de 1 a 0, o quadricolor vai para Porto Alegre na próxima quarta-feira precisando vencer por dois gols de diferença, ou então por um, desde que seja 2 a 1, 3 a 2 e assim por diante para avançar na competição nacional. Repetição do 1 a 0 desta quarta-feira leva a decisão para os pênaltis. Quem passar enfrenta o Náutico ou Fortaleza.
Sem tempo para descanso, o elenco quadricolor se reapresenta na tarde desta quinta-feira, no estádio Ipatingão, já de olho no jogo sábado, às 16h, novamente em casa, contra o Formiga. Um empate garante o Tigre no quadrangular final do Módulo II do Campeonato Mineiro.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.