sexta-feira, 23 de Outubro de 2015 10:19h

América enfrenta o Oeste e pode ficar muito perto da Série A

O técnico Givanildo Oliveira ganhou uma boa opção para o jogo de sexta-feira (23/10), contra o Oeste, na Arena Independência

O lateral direito Robertinho, completamente recuperado de uma lesão no tornozelo que o afastou por pouco mais de um mês, está à disposição do treinador. A última atuação de Robertinho foi em 12 de setembro, na vitória do Coelho sobre o Náutico, por 2 a 1, na Arena Independência.
Robertinho ressalta que as lesões incomodam qualquer jogador, mas que elas fazem parte da rotina do atleta. Ele elogia o trabalho de recuperação feito pelo Departamento de Fisioterapia do Clube e se coloca à disposição do técnico para atuar já na próxima partida. “O jogador nunca gosta de machucar, mas acontece, são coisas do futebol. Acabei torcendo o tornozelo em um lance de treino e fiquei um mês fora. Mas estou feliz, pois me recuperei bem. Foi um trabalho muito bom da Fisioterapia e tive uma semana boa de treinamento físico. Estou à disposição do Givanildo e espero poder ajudar”.
E para vencer o Oeste, na sexta-feira, Robertinho conta com a presença da torcida americana. Para o lateral, o “abraço” da torcida ao time nesta reta final decisiva será de suma importância para que o time americano consiga o tão sonhado acesso à Primeira Divisão do Futebol Brasileiro. “A gente pede o apoio do torcedor. Sabemos que ele ficou chateado com a derrota na última rodada, mas nós também ficamos. Peço para que o torcedor nos abrace agora nesta reta final, pois, se conseguirmos subir, será bom para todo mundo. Conto com a torcida americana para nos empurrar bastante contra o Oeste, para conseguirmos esses três pontos e continuarmos entre os quatro”, convoca o lateral direito.
Apesar de ocupar apenas a 15ª colocação na tabela da Série B, o adversário na próxima rodada vem “roubando” muitos pontos dos times mandantes. O Oeste conseguiu conquistar um empate nas últimas cinco vezes em que jogou como visitante, incluindo partidas contra equipes que estão na parte de cima da tabela, como Vitória e Botafogo. Exatamente por isso Robertinho sabe da dificuldade que será enfrentar a equipe do interior paulista na Arena Independência.  “O Oeste é um time difícil, um time que roubou muitos pontos fora de casa. Empatou com o Botafogo e com o Vitória, então é um time que joga bem fora de casa. Temos que entrar focados para conseguir os três pontos e dar uma respirada no campeonato”, observa.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.