terça-feira, 16 de Outubro de 2012 12:23h Gazeta do Oeste

América joga para alcançar pontuação de segurança e depois fazer ajustes para 2013

O América enfrentará um adversário em situação complicada na Série B nesta terça-feira, às 21h50, no Estádio Dario Leite. O Coelho vai a Guaratinguetá pegar os donos da casa, que vivem situação dramática na Segunda Divisão. A equipe paulista ocupa a 18ª posição no torneio, com 25 pontos, e tem mais de 80% de chances de rebaixamento, de acordo com o departamento de matemática da Universidade Federal de Minas Gerais.

Enquanto o rival vê o fantasma da queda como ameaça real, o Coelho precisa somar mais três pontos para ficar livre de qualquer perigo. Para o professor Gilsione Batista, da UFMG, o Alviverde não cairá se chegar aos 43 pontos. “Seria improvável uma equipe cair com essa pontuação. Até com 42 é possível se salvar. As equipes que estão lá embaixo não têm conseguido somar muitos pontos”, concluiu o matemático.

Para o duelo, o técnico Mauro Fernandes conta com a volta de Fábio Júnior, que esteve fora na derrota para o Goiás, por 2 a 1, por estar suspenso. Em compensação, Dudu, Boiadeiro e Everton Luiz estão fora da partida. O volante levou o terceiro cartão amarelo contra o Esmeraldino e os outros dois continuam lesionados.

Depois que atingir a pontuação de segurança no Nacional, o América deve fazer observações e utilizar o restante da Série B como laboratório para alguns jogadores. A diretoria já tem conversado sobre o planejamento de 2013 e mudanças no elenco serão inevitáveis.

A série negativa nos jogos no Independência atrapalhou o sonho de retornar à Série A no ano que vem, quando é comemorado o centenário alviverde. O treinador americano comentou sobre como deve ser a postura do clube nos nove jogos restantes, mesmo com probabilidades mínimas de conseguir o acesso, menos de 0,1%.

“Somos profissionais, temos que fazer sempre o nosso melhor. Eu lamento não ter conseguido corresponder às expectativas. Quando cheguei disse que tínhamos um time melhor tecnicamente, mas agora nossos chances de chegar à Série A no ano do centenário são praticamente zero. Mas vamos continuar com dignidade, sempre honrando essa camisa centenária do América”.

Do lado do time do Vale do Paraíba, o técnico Carlos Octávio terá o retorno do artilheiro Alemão, que estava suspenso, e dos volantes Bruno Formigoni e Júlio César. 

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.