América perde no tempo normal, mas bate Internacional nos penaltis e se classifica na Copa do Brasil

Colorado vence por 1x0 com gol no fim, mas Gallardo e Uendel perdem as cobranças de penalidades e eeliminam o colorado

19 NOV 2020

CARLOS HENRIQUE MONTEIRO

O América perdeu no tempo normal por 1x0 para o Internacional. Resultado que levou a decisão pros pênaltis, já que na ida o jogo ficou 1x0 para o América no Beira-Rio. 

O gol colorado foi faltando 10 segundos para o jogo acabar, com Yuri Alberto. 

Ao longo dos 90 minutos, o América foi bastante competitivo, em um jogo de poucas chances reais de gol. 

Nas penalidades, nas 5 primeiras batidas, cada time errou uma cobrança. Gallardo perdeu a primeira pros gaúchos, enquanto Danilo Borges errou para o coelho. 

Na sequência, todos acertaram até o 7o penalti, quando Uendel mandou pra fora, e classificou a equipe mineira pela 1a vez pra final. Agora, o América vai encarar o Palmeiras, nas semifinais. Os confrontos da próxima fase já têm datas definidas: 23 de dezembro e 30 do mesmo mês. Os mandos das partidas serão conhecidos em sorteio na CBF.

No final do jogo, muita confusão, os jogadores colorados tentaram invadir o vestiário do América, e acabou tendo brigas e pontapés. No final, animos contidos. 

Confira como foram os penaltis:

 

Leo Passos converteu:1 a 0

Thiago Galhardo bateu para fora 

Messias fez 2 a 0

Rodrigo Lindoso diminuiu: 2 a 1

Daniel Borges bateu para fora

Edenílson empatou: 2 a 2

Sabino recolocou o América na frente: 3 a 2

Yuri Alberto empatou para o Inter: 3 a 3

Marcelo Toscano marcou para o América: 4 a 3

Rodinei empatou de novo: 4 a 4

João Paulo fez 5 a 4 para o Coelho

Praxedes bateu bem e fez 5 a 5 

Juninho deixou o América na frente: 6 a 5

Uendel chutou para fora

 

O América venceu nos pênaltis: 6 a 5

 

 

AMÉRICA (6) 0 x 1 (5) INTERNACIONAL

 

AMÉRICA

Matheus Cavichioli; Diego Ferreira, Messias, Anderson, João Paulo; Flávio (Sabino), Juninho, Geovane (Alê); Ademir (Daniel Borges), Felipe Azevedo (Marcelo Toscano) e Rodolfo (Leo Passos)

Técnico: Lisca

 

INTERNACIONAL

Marcelo Lomba; Rodinei, Zé Gabriel, Víctor Cuesta e Moisés (Uendel); Rodrigo Dourado (Caio), Rodrigo Lindoso, Edenilson e D'Alessandro (Praxedes); Leandro Fernández (Yuri Alberto) e Thiago Galhardo

Técnico: Abel Braga

 

Motivo: jogo de volta das quartas de final da Copa do Brasil 

Local: Independência, em BH

Data: quarta-feira, 18 de novembro

Árbitro: Vinicius Gonçalves Dias Araújo (SP)

Assistentes: Marcelo Carvalho Van Gasse (SP) e Neuza Ines Back (SP)VAR: Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral (SP)

GOL: Yuri Alberto, aos 50min do 2ºT

Cartões amarelos: Juninho, Felipe Azevedo (AME);  Víctor Cuesta (INT)
Cartões vermelhos: Alê (AME); Rodrigo Lindoso (INT)

© 2009-2020. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.