terça-feira, 15 de Março de 2016 11:10h

América reclama da arbitragem do clássico

O América vencia o Atlético por 1 a 0 até os 12 minutos do segundo tempo, mas um pênalti bastante polêmico foi assinado em Patric e garantiu o empate do Galo no clássico disputado neste domingo, no Independência, pelo Campeonato Mineiro

Inconformado com a marcação, o integrante do conselho de administração do Coelho, Euler Araújo, reclamou após a partida do árbitro Ronei Cândido Alves, que viu um toque do goleiro João Ricardo no lateral alvinegro dentro da área.

 

 


O dirigente não poupou críticas ao árbitro e disse que Ronei gosta de aparecer para a TV’. “Antes do jogo já vínhamos avaliando esse árbitro e ele gosta de aparecer para a televisão, ele gosta de ser maior que o espetáculo. Esses árbitros são muito perigosos. Quando você tem um lance como aquele, quando o jogador do Atlético dobra a perna, e isso foi claro, da arquibancada eu vi. Depois, na TV, ficou ainda mais claro”, reclamou.

 

 


Como sente que o clube foi prejudicado, Euler Araújo prometeu fazer um protesto formal na Federação Mineira de Futebol (FMF). O dirigente também avisou que vai querer rever com a entidade a participação de árbitros mineiros na semifinal caso o América consiga a classificação entre os quatro primeiros colocados. “Vamos fazer a reclamação na Federação Mineira. Se o América for para a semifinal, vamos rediscutir isso. A Federação que, até então, estava fazendo um bom trabalho, árbitros vinham fazendo boas atuações, mas como foram infelizes nessa escalação desse árbitro, que nitidamente prejudicou o América”, disparou.

 

 


Com o empate, o América caiu para a sexta colocação, com 11 pontos, um atrás do Uberlândia, que tem um jogo a menos e vai enfrentar o Cruzeiro na próxima terça-feira, no Mineirão.
Na visão de Euler, o América merecia ter saído do Independência com a vitória. “Vamos enaltecer o time. Os jogadores vinham se cobrando e mais uma vez fizeram uma bela partida. No meu ponto de vista, o América foi superior”, finalizou.

 

 

Atlético comemora gol de Clayton

Depois de ficar um mês sem jogar devido ao imbróglio em sua regularização junto à CBF, o atacante Clayton enfim estreou pelo Atlético. E o início foi com o pé direito. Em cobrança de pênalti, foi dele o gol de empate por 1 a 1 com o América, neste domingo, no Independência, pela sétima rodada do Campeonato Mineiro.

 


No lance, Clayton cobrou a penalidade e aproveitou o rebote do goleiro João Ricardo para igualar o marcador. O atacante comemorou a estreia positiva com a camisa alvinegra. “Fico feliz por ajudar a equipe a sair, pelo menos, com o empate. Corri bastante, me dediquei ao máximo, mas ainda tem muito para melhorar”, disse o atacante, que foi elogiado pelo técnico Diego Aguirre após a partida. “O Clayton é um grande jogador, tem muita qualidade e muito para mostrar. Obviamente, não estava 100 %, mas imagino que nos próximos jogos, quando já estará mais adaptado, vai nos dar muitas alegrias”, comentou o treinador.

© 2009-2016. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.