quarta-feira, 27 de Julho de 2011 10:25h Luciano Eurides

André é a arma para a reação

Mesmo sob protestos na porta do estádio, todos os ingressos estão esgotados para a partida do Atlético e Fluminense às 19h30 de hoje, no estádio Lamegão, em Ipatinga.


A partida será válida pela 12ª rodada do Campeonato Brasileiro e poderá marcar a estreia do atacante André com a camisa alvinegra. “Independente do tempo que estou treinando, vim para cá com o pensamento de ajudar o grupo do Atlético. Se o professor Dorival optar por mim, vou ficar feliz, se não, vou saber esperar a minha hora”, disse André.


Um trabalho técnico de dois toques, sem definição da equipe, encerrou a preparação atleticana para o jogo. O técnico Dorival Júnior não poderá contar com os zagueiros Leonardo Silva e Réver e o com o volante Serginho, todos suspensos. Com uma entorse no tornozelo direito, o meia Renan Oliveira foi vetado e também está fora da partida, que poderá marcar a estreia do recém-contratado atacante André.
 

Com a suspensão dos zagueiros Lima e Werley serão os escolhidos.Esta será a quinta vez que eles formarão a dupla de zaga titular. Antes do duelo frente ao Fluminense, os atletas estiveram juntos em campo para proteger a retaguarda atleticana diante do próprio Tricolor Carioca, Corinthians, Internacional, Independiente Santa Fé (COL) e Palmeiras, respectivamente. Todos os jogos ocorreram na temporada passada. Foram três vitórias e duas derrotas.


Sem jogar desde a estreia no Campeonato Brasileiro, Werley elogia o companheiro de defesa e espera ter a mesma felicidade de um dos confrontos em que esteve ao lado de Lima na equipe titular, contra o Corinthians, quando marcou seu primeiro gol com a camisa do Atlético. O jogador ainda avisa que a dupla tem treinado muito bem entre os reservas. “O Lima é um jogador de muita qualidade. Estamos treinando muito bem no time reserva, cada um procurando fazer aquilo que é característico do seu futebol. Nós estamos preparados para entrar e espero que possamos ter a mesma felicidade que tivemos na partida contra o Corinthians, que foi muito importante para o Atlético. Queremos ir bem para fazer o Atlético vitorioso”, falou.


Escolhido por Dorival para assumir a condição de titular, Lima entrará em campo pela primeira vez na temporada. Tanto tempo sem jogar preocupa o zagueiro, porém, ele espera driblar essa falta de ritmo conversando com o restante do elenco. No entanto, quando o assunto é o companheiro de zaga, Lima demonstra segurança e espera que os bons treinamentos se repitam no duelo com o Fluminense. “Eu tive a oportunidade de jogar com o Werley ano passado. Faz um tempinho, mas nos conhecemos e treinamos lado a lado há um bom tempo. Se fizermos este jogo no time titular, é procurar conversar, até porque não temos jogado. É procurar superar alguma falta de entrosamento na conversa, para ajudar toda a equipe”, contou.

 

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.