sexta-feira, 24 de Agosto de 2012 10:39h Gazeta do Oeste

Após reencontro com Tito, Mourinho explica escalação e fala sobre Kaká

Depois de acertar o olho do então auxiliar técnico do Barcelona com o dedo, José Mourinho reencontrou Tito Vilanova no primeiro jogo da final da Supercopa da Espanha. Um ano após o incidente, e pelo mesmo torneio, os treinadores se cumprimentaram com formalidade, sem demonstrar ressentimentos.

 

 

 

Ao final da derrota de virada por 3 a 2 para o grande rival, o português concedeu entrevista coletiva nos vestiários do Camp Nou e preferiu não aumentar as polêmicas sobre a arbitragem do espanhol Carlos Clos Gómez.

 

 

Além do gol de empate marcado pelo impedido Pedro Rodríguez, os jogadores do Real Madrid reclamaram da falta de critério para a marcação de faltas e aplicaçãe de cartões. “Não quero ser crítico com algumas decisões nesta primeira partida da final. Vocês (jornalistas) já sabem do que eu falo e do que não falo”.

 

 

Sobre a partida, Mou revelou insatisfação com o primeiro tempo, mas elogiou o empenho de seus comandados na etapa complementar. “A primeira etapa não me agradou, às vezes você faz um jogo que não gostaria de fazer. O Barcelona não nos deixou sair com perigo e foi muito superior, depois (segundo tempo) fizemos um jogo completamente diferente”, analisou.

 

O português surpreendeu ao escalar José Callejón como titular e foi obrigado a “prestar contas” aos repórteres. “Callejón jogou muito bem. No primeiro tempo ele não teve a eficiência ofensiva que desejávamos, mas depois foi bem e ‘preparou’ a entrada de Di María. Era uma partida importante e gostei do trabalho dele, é um reserva muito querido por mim”, ressaltou.

 

 

Fora da lista de relacionados para o clássico, o brasileiro Kaká também foi tema durante a coletiva. “Eu necessitava ter opções ofensivas, com Higuaín e Di María, além de Lass Diarra e Granero para o meio e Marcelo e Varane para a defesa. Por isso Kaká não entrou em meus planos”, finalizou.

 

 

 

 

 

 

 

SUPERESPORTES

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.